Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/9992
Title: Crescimento inicial de Moringa oleifera Lam. (Moringa) em plantios homogêneos com diferentes adubações
Authors: Holanda, Romário Felipe de
Keywords: Silvicultura. Produtos florestais. Sobrevivência. Biomassa florestal.;Forestry. Forest products. Survival. Forest biomass.
Issue Date: 26-Nov-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: HOLANDA, Romário Felipe de. Crescimento inicial de Moringa oleifera (Moringa) em plantios homogêneos com diferentes adubações. 2019. 42 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Florestal) - Unidade Acadêmica Especializada em Ciências Agrárias, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Macaíba, 2019.
Portuguese Abstract: A Moringa oleifera (Lam.) tem sido cultivada em vários países devido ao seu potencial de uso múltiplo. É uma árvore de grande potencial econômico com diversas aplicações na indústria, na medicina, sendo também usada como forrageira. Com isso este trabalho tem como objetivo avaliar o crescimento da moringa em plantios homogêneos com três anos de idade, estabelecidos em espaçamento de 3 m x 3 m, submetidos a diferentes adubações, localizados no município de Macaíba, RN. Foram avaliados quatro tratamentos: (1) Adubação Mineral (131 kg/ha de Superfosfato Triplo), (2) Composto Orgânico + Adubação Mineral (7 t/ha de composto orgânico + 131 kg/ha de Superfosfato Triplo), (3) Biochar + Adubação Mineral (3 t/ha + 131 kg/ha de Superfosfato Triplo) e (4) testemunha (sem adubação). A coleta de dados compreendeu a mensuração das circunferências (na base a na altura do peito) e da altura de todos os indivíduos. Foi avaliada a sobrevivência da espécie, em percentual, e foram estimados os volumes cilíndricos por unidade de área. Os tratamentos adubados apresentaram maior sobrevivência, crescimento e produtividade em relação à testemunha (sem adubação). Dos tratamentos avaliados, aquele adubado com composto orgânico apresentou os melhores resultados de crescimento (DB médio de 16,2 cm; DAP médio de 7,9 cm e altura média de 5,87 m) e produtividade (volume cilíndrico de 72,5069 m³/ha e IMA de 24,16 m³/ha.ano).
Abstract: Moringa oleifera (Lam.) has been cultivated in several countries due to its potential for multiple use. It is a tree of great economic potential with various applications in industry, medicine, and is also used as a forage. Thus, this study aims to evaluate the growth of moringa in homogeneous three-year-old plantations, established in spacing of 3 mx 3 m, submitted to different fertilizers, located in Macaíba, Rio Grande do Norte State, Brazil. Four treatments were evaluated: (1) Mineral Fertilization (131 kg/ha of Triple Superphosphate), (2) Organic Compound + Mineral Fertilization (7 t/ha of organic compound + 131 kg/ha of Triple Superphosphate), (3) Biochar + Mineral Fertilization (3 t/ha + 131 kg/ha of Triple Superphosphate) and (4) control (without fertilization). Data collection comprised the measurement of the circumferences (on the basis of chest height) and the total height of all trees. The survival of the species was evaluated as a percentage and the cylindrical volumes per unit area were estimated. Fertilized treatments showed higher survival, growth and yield compared to control (without fertilization). Among the evaluated treatments, the fertilizer with organic compost presented the best growth results (average DB 16.2 cm; average DBH 7.9 cm and average height 5.87 m) and yield (cylindrical volume 72.5069 m³/ha and IMA of 24.16 m³/ha.year).
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/9992
Other Identifiers: 20170003577
Appears in Collections:Engenharia Florestal

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Monografia_Romário_Moringa oleifera.pdfMonografia_Engenharia Florestal_Moringa oleifera.681.74 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons