Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/9794
Title: Animais na publicidade: o cachorro como elemento figurativo da Budweiser
Authors: Salgado, Bruna Gomes Benatti
Keywords: Publicidade;Animais;Budweiser;Semiótica;Cerveja;Marketing;Comunicação;Advertising;Animals;Semiotics;Beer;Communication
Issue Date: 28-Nov-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SALGADO, Bruna Gomes Benatti. Animais na publicidade: o cachorro como elemento figurativo da Budweiser. 2019. 66f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda) - Departamento de Comunicação Social, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2019.
Portuguese Abstract: A presença de animais em campanhas publicitárias se tornou algo comum, sendo encontrados em diferentes meios de comunicação e com diferentes formas, eles são escolhidos por serem um elemento figurativo poderoso na hora de enviar uma mensagem. Dessa forma, se torna importante analisar o motivo e a funcionalidade dos animais apresentados nas campanhas, em especial, da Budweiser, na qual utiliza-os desde os anos 80 para se comunicar com o seu público, e trabalhar sua imagem no mercado. Apresentando o cachorro em suas peças, a marca pretende estabelecer vínculos com seus consumidores por meio do emprego de narrativas e figuratividades atrativas, que refletem ambientes conhecidos por eles. Para entender o porquê da marca apresentar animais em suas peças, foi necessário realizar um estudo sobre a história da Budweiser, seu marketing de comunicação, seu histórico de campanhas com animais, além de pesquisas e leituras bibliográficas. Foi possível entender a intenção e a motivação da marca ao apresentar o cachorro como elemento persuasivo em suas peças. Por ser um produto relacionado diretamente aos amigos e a momentos de descontração, o cachorro consegue se encaixar na vida dos humanos assim como a cerveja, o que resulta em vínculos emocionais, não apenas com o animal, mas principalmente com a marca e a sua imagem. Esta é uma estratégia de comunicação para fidelizar clientes, conquistar novos consumidores, fixar a imagem da marca, e criar relações afetivas com o seu público.
Abstract: The presence of animals in advertising has become commonplace, being found in different forms of media and different presentations, they are chosen because they are a powerful figurative element when sending a message. Thus, it is important to analyze the motive and the functioning of animals featured in Budweiser campaigns, which have been used since the 1980s to communicate with their audience, and to develop their brand in the market. Introducing the dog in its pieces, a brand forms bonds with its consumers through the use of attractive narratives and symbols that reflect the environments known to them. In order to understand why the brand employed animals in its pieces, it was necessary to study Budweiser's history, its marketing communication, its history of animal campaigns, as well as research and bibliographic readings. It was possible to understand the intention and motivation of the brand to present the dog as a persuasive element in their pieces. Being a product directly related to friends and moments of relaxation, the dog can fit in the lives of humans like beer does, which results in emotional ties, not only to the animal, but especially with the brand and its image. This is a communication strategy to create loyal customers, win new consumers, fix a brand image and create affective relationships with your audience.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/9794
Other Identifiers: 20150128304
Appears in Collections:Comunicação Social - Publicidade e Propaganda

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AnimaisNaPublicidade_Salgado_2019.pdfAnimaisNaPublicidade_Salgado_20195.1 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons