Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/9449
Title: Produção de subjetividade dos/as professores/as em contexto de ataque à educação por meio do Projeto de Lei Escola sem Partido
Authors: Dantas, Ana Luiza Oliveira
Keywords: Subjetividade.;Escola Sem Partido.;Docência.
Issue Date: 25-Jun-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: DANTAS, Ana Luiza Oliveira. Produção de subjetividade dos/as professores/as em contexto de ataque à educação por meio do Projeto de Lei Escola Sem Partido. 2019. 31 f. TCC (Graduação) - Curso de Pedagogia, Centro de Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2019.
Portuguese Abstract: O presente trabalho pretende discutir acerca da produção de subjetividade dos/as professores/as em um contexto de ataque à Educação, especialmente no que se refere ao projeto de lei Escola Sem Partido. Para tratar desse tema foram realizados estudos sobre subjetividade docente, projetos políticos, de lei e de educação e sua influência na formação docente e na Educação pública no Brasil. O estudo realizado adotou a concepção histórico cultural para discutir e relacionar os conceitos de subjetividade, desenvolvimento profissional e educação, como também elementos que perpassam esses conceitos. Com apoio nos pressupostos da Teoria da Subjetividade desenvolvida por González Rey, concebe-se aqui a subjetividade como um sistema pessoal complexo de compreensão do mundo, que se transforma a partir das experiências do sujeito e na sua relação e interação com o outro; processo que está em constante produção e integra várias funções psíquicas como pensamento, emoções, e sentimentos. A subjetividade do professor tratada nessa perspectiva, se configura nas esferas da vida pessoal e profissional, de maneira intrínseca e complementar. Para enriquecer a discussão sobre a produção de vida e de saberes dos/as professores/as, contou-se com a contribuição do autor Antônio Nóvoa, que compreende a pessoalidade do sujeito como fonte de sustentação, identidade e resistência para a sua profissionalidade. Com base nesses fundamentos, foram realizadas análises e prospecções críticas sobre os impactos das propostas presentes no Projeto de Lei Escola Sem Partido na subjetividade dos/as professores/as, como também um prognóstico para enfrentamento dos efeitos do projeto de lei. Este artigo identifica o Projeto de Lei Escola Sem Partido; os impactos do projeto e o que ele representa; e a resistência da profissão diante das propostas.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/9449
Other Identifiers: 2013035704
Appears in Collections:Pedagogia (Presencial)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ProducaoSubjetividadeProfessoresAtaqueEducacao_Dantas_2019.pdf489.65 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons