Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/9423
Title: Efeito do exercício físico sobre sintomas de ansiedade e depressão em mulheres.
Authors: Araújo, Bárbara Gicélia da Silva
Keywords: Exercício físico.;Sintomas depressivos.;Sintomas ansiosos.
Issue Date: 19-Aug-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: ARAÚJO, Bárbara Gicélia de. Efeito do exercício físico sobre sintomas de ansiedade e depressão em mulheres. 2019. 68 f. Monografia (Especialização) - Curso de Residência Multiprofissional em Atenção Básica, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Caicó, 2019.
Portuguese Abstract: Resumo: o objetivo deste estudo foi avaliar o efeito de um programa de exercício físico aeróbio de leve intensidade na modalidade de dança sobre os sintomas de ansiedade e depressão em mulheres. Trata-se de um estudo longitudinal, com delineamento quaseexperimental. Foram aplicados questionários sócios demográficos e escalas psicométricas. As participantes eram mulheres que foram diagnosticadas previamente com depressão e/ou ansiedade. Foram realizados testes pré e pós-intervenção. As participantes foram submetidas a um programa de exercício físico aeróbio de leve intensidade. Os dados foram tabulados no EpiData versão 3.1 e as análises foram realizadas no SPSS versão 23.0. A maioria das mulheres tinha de 61 a 79 anos de idade (62,5%), eram casadas (50%), cursaram o ensino fundamental de forma incompleta (50%). No geral, os escores de depressão e de ansiedade foram significativamente reduzidos no final do programa de treinamento. Portanto, a prática de exercício físico aeróbio de leve intensidade promoveu melhoria nos sintomas de depressão e ansiedade em mulheres de meia idade e idosas. Sugere-se para estudos posteriores um período maior de intervenção, com separação de grupos experimentais e controles.
Abstract: Abstract: The aim of this study was to evaluate the effect of a mild intensity aerobic exercise program on dance mode on anxiety and depression symptoms in women. This is a longitudinal study with quasi-experimental design. Demographic partner questionnaires and psychometric scales were applied. Participants were women who were previously diagnosed with depression and / or anxiety. Pre and post intervention tests were performed. Participants underwent a light intensity aerobic exercise program. Data were tabulated in EpiData version 3.1 and analyzes were performed in SPSS version 23.0. Most women were 61 to 79 years old (62.5%), were married (50%), had not completed elementary school (50%). Overall, depression and anxiety scores were significantly reduced at the end of the training program. Therefore, the practice of light intensity aerobic exercise promoted improvement in symptoms of depression and anxiety in middle-aged and elderly women. Further studies suggest a longer intervention period, with separation of experimental groups and controls.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/9423
Other Identifiers: 20174000760
Appears in Collections:Residência Multiprofissional em Atenção Básica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCR em forma de artigo DEFESA (19.08.2019).pdfTrabalho de Conclusão de Residência1.8 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.