Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/9265
Title: Comparação do efeito da temperatura e taxa de deformação entre Aço Dual Phase e Aço Martensítico submetidos a Natural Bake Hardening
Authors: Marinho, Amaralina Lituânia Morais
Keywords: Indústria automobilística;Aços dual phase;Bake hardening
Issue Date: 21-Jun-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: MARINHO, Amaralina Lituânia Morais. Comparação do efeito da temperatura e taxa de deformação entre Aço Dual Phase e Aço Martensítico submetidos a Natural Bake Hardening. 2019. 57f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Materiais) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2019.
Portuguese Abstract: Aços multifásicos são um exemplo de Aços Avançados de Alta Resistência (AHSS - Advanced high strength steel) que são aplicados na indústria automobilística devido a sua apropriada combinação de propriedades mecânicas para esta aplicação. Tais propriedades estão diretamente relacionadas às características microestruturais destes aços como quantidade, tipo, morfologia e distribuição de seus constituintes que, por sua vez, dependem dos parâmetros de processamento aplicados. O efeito Bake Hardening (BH) consiste em submeter aços com a microestrutura característica dos aços multifásicos a um processo de envelhecimento controlado seguido de deformação plástica. Este efeito é estudado com foco no mercado automobilístico porque permite alcançar limites de resistência mais altos em peças acabadas implicando em uma conformabilidade constante, ajudando a solucionar problemas da indústria no que se refere à maior segurança para os usuários. O presente trabalho apresenta um estudo do efeito da temperatura de recozimento dentro do regime intercrítico, a 750 ºC e a 830 ºC e o efeito da variação das taxas de deformação de 1 mm/min e 10 mm/min aplicadas em corpos de prova de aço laminados a frio sob o ponto de vista de dureza. A microestrutura foi analisada através de fotomicrografias das amostras antes e depois dos tratamentos térmicos com o uso do reagente químico Nital (5%) utilizando Microscópio Ótico e Microscopia Eletrônica de Varredura por Emissão de Campo (MEV-FEG). A quantificação de elementos químicos por fase foi realizada através de Espectroscopia de Energia Dispersiva (EDS) e a quantificação da fração de martensita foi feita utilizando o software ImageJ. O aço submetido à temperatura de 750 ºC sofreu maior efeito Bake Hardening apresentando aumento de dureza em temperatura ambiente. Entretanto, o aço submetido à temperatura de 830 ºC apresentou microestrutura predominantemente martensítica, devido à proximidade com a temperatura de austenitização, resultando em menor efeito de BH.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/9265
Other Identifiers: 20170155167
Appears in Collections:Engenharia de Materiais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Amaralina - MONOGRAFIA .pdf2.02 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.