Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/9128
Title: Adaptação e eficiência mastigatória de próteses totais removíveis em pessoas idosas
Authors: Bezerra, Ricardo Moisés Mendonça
Keywords: Prótese dentária;Odontologia geriátrica;Mastigação
Issue Date: 18-Jun-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: BEZERRA, Ricardo Moises Mendonça. Adaptação e eficiência mastigatória de próteses totais removíveis em pessoas idosas. 2019. 46 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Odontologia) - Departamento de Odontologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2019.
Portuguese Abstract: A reabilitação protética, comum em idosos, deve visar a restauração da função mastigatória e saúde bucal. É importante, então, conhecer os fatores que influenciarão na adaptação das próteses e sua eficiência mastigatória, tendo consequências na qualidade de vida do usuário. Diante disso, o objetivo desse estudo é avaliar a adaptação e eficiência mastigatória de próteses totais removíveis em idosos e seus fatores associados. Foi realizado um estudo do tipo observacional e transversal em que os participantes foram submetidos a uma consulta para coleta de dados pessoais, análise da adaptação da prótese dentária e a um questionário para sintomas da disfunção temporomandibular. A eficiência mastigatória foi avaliada pela mastigação de alimento artificial pesado e avaliado pelo método das tamises, calculada pela equação de Rosin e Rammler. Dos 40 participantes, todos usavam prótese removível superior e 52,5% inferior. Todas as próteses superiores usadas por indivíduos do sexo masculino foram classificadas como desfavoráveis, assim como todas as inferiores independente do sexo. Apenas a qualidade técnica desfavorável da prótese superior apresentou menor eficiência. As próteses totais tem uma eficiência mastigatória influenciada negativamente pela adaptação desfavorável.
Abstract: The prosthetic rehabilitation, common in the elderly, must to aim the restoration of masticatory function and oral health. It is important, then, to know the factors that will influence the adaptation of prosthesis and your masticatory efficiency, giving consequences in the quality of life of the users. On this, the aim of this study is evaluate the adaptation and the eficiency mastigatory of removable dental prosthesis in the elderly and its own associated factors. It was realized a kind of observational study and transversal that the participants were submitted for consultation to an clinical examination for the collection of personal data and to analysis the dental prostheses and a quiz for temporomandibular dysfunction symptoms. The masticatory efficiency was evaluated by means of mastication of artificial heavy food and evaluated by sieve method, and calculated by the equation of Rosin and Rammler. Of the 40 participants, all of them had superior removable prosthesis and 52.5% had lower prostheses. All superior prosthesis used by male persons were classified as unfavorable, as all inferior independent of sex. Only the technical quality unfavorable of the upper prostheses presented lower efficiency. The total dentures have a masticatory efficiency influenced negatively be unfavorable adaptation.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/9128
Other Identifiers: 2015077928
Appears in Collections:Odontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AdaptacaoEficienciaMastigatoria_Bezerra_2019.pdf803.34 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons