Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/9115
Title: Caracterização do perfil somatotípico dos atletas da equipe masculina de futebol de campo da Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Authors: Silva, Magno Jefferson
Keywords: Futebol;Avaliação Física;Somatotipo;Football;Physical Evaluation;Somatotype
Issue Date: 18-Jun-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SILVA, Magno Jefferson. Caracterização do perfil somatotípico dos atletas da equipe masculina de futebol de campo da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. 2019. 29f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação Física) – Departamento de Educação Física, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2019.
Portuguese Abstract: Objetivo: Descrever o perfil somatotípico dos atletas da seleção masculina de futebol da Universidade Federal do Rio Grande do Norte por posição de campo e classificá-los quanto ao somatotipo. Métodos: Os dados antropométricos e o perfil somatotípico dos atletas de futebol, foram analisados e comparados. O Estudo foi composto por n=24, atletas da seleção masculina de futebol da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, do sexo masculino. Foi medido idade, estatura, massa corporal, perímetros de braço e perna, dobras cutâneas subscapular, tricipital, supraespinhale e perna, diâmetro ósseo do úmero e fêmur, de cada participante da pesquisa. Para o cálculo e classificação do somatotípico foi utilizado as três equações do método de Heath & Carter. Para a análise dos dados estatísticos, foi utilizado os valores de média e desvio padrão, em forma de estatística descritiva. Resultados: Quanto ao Somatotipo equipe foi classificada como Meso-endomorfo, tendo o valor de mesomorfia (média= 4,1) sendo predominante quando comparado com os valores de endomorfia (média= 3,14) e ectomorfia (média= 2,48), o que indica ser um fator contribuinte para um melhor desempenho físico na modalidade esportiva. Ao separarmos por posição de campo, vimos que os goleiros possuem os maiores valores de Endomorfia e mesomorfia, e os laterais possuem os valores mais altos de ectomorfia, indicando que cada posição tende a seguir um padrão de perfil somatotípico. Conclusão: A equipe masculina de futebol está dentro dos padrões vistos na literatura no que se compete a perfil somatotípico. Havendo também características específicas que se correlaciona de acordo com a posição de campo em que cada jogador atua. Porém, mais estudos da mesma temática, utilizando uma amostra maior, deve ser realizado, para que haja mais conclusões sobre padrões de perfil somatotípico de atletas universitários de futebol separados por posição de campo. Se possível, realizando comparações entre o perfil somatotípico e o desempenho físico destes atletas.
Abstract: Objective: To describe the somatotypic profile of the athletes of the men's soccer team of the Federal University of Rio Grande do Norte by field position. Methods: The anthropometric data and the somatotypic profile of the soccer athletes were analyzed and compared. The study was composed of n = 24, athletes of the men's soccer team of the Federal University of Rio Grande do Norte, male. Age, height, body mass, arm and leg perimeters, subscapular, triceps, supraspinatus and leg skinfolds, bone diameter of the humerus and femur were measured from each participant in the study. The Heath & Carter method was used to calculate and classify the somatotype. For the analysis of the statistical data, the values of mean and standard deviation were used, in the form of descriptive statistics. Results: As for the Somatotype, the team was classified as Meso-endomorph, with mesomorphic value (mean = 4.1) being predominant when compared to endomorphic values (mean = 3.14) and ectomorphy (mean = 2.48), which indicates to be a contributing factor for a better physical performance in the sports modality. When we separated by field position, we saw that the goalkeepers have the highest values of Endomorphy and mesomorphy, and the lateral ones have the highest values of ectomorphy, indicating that each position tends to follow a pattern of somatotypic profile. Conclusion: The men's soccer team is within the standards seen in the literature regarding the somatotype profile. There are also specific characteristics that correlate according to the field position in which each player acts. However, more studies of the same theme, using a larger sample, should be performed, so that there are more conclusions about patterns of somatotype profile of university football players separated by field position. If possible, comparisons are made between the somatotypic profile and the physical performance of these athletes.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/9115
Other Identifiers: 2014071071
Appears in Collections:Educação Física (bacharelado)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CaracterizaçãodoPerfilSomatotípico_Silva_2019514,66 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons