Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/9048
Title: A família o processo da socioeducação no Centro Educacional Padre João Maria
Authors: Soares, Alana Priscila Dantas
Keywords: Adolescente. Medida socioeducativa. Internação. Família.;Teenager. Socio-education measure. Internation. Family.
Issue Date: 18-Jun-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SOARES, Alana Priscila Dantas. A família no processo da socioeducação no Centro Educacional Padre João Maria. 2019. 49f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Departamento de Serviço Social, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2019.
Portuguese Abstract: Esta monografia analisa a construção e ressignificação dos laços familiares das adolescentes em privação de liberdade no CEDUC - Centro Educacional Padre João Maria, unidade da FUNDASE – Fundação Estadual da Criança e do Adolescente, no período da minha experiência de estágio, que compreenderam os meses de fevereiro a novembro de 2018. Os objetivos específicos se resumem em caracterizar as famílias dessas adolescentes, analisar os dados obtidos através dos diários de campo, e por fim, analisar os dados surgidos por ocasião da intervenção de estágio. A metodologia de trabalho foi a pesquisa bibliográfica, em conjunto com análises da experiência de estagio obrigatório; modalidade/tipo qualitativa; foram examinados os diários de campo e o relatório de estágio contendo a intervenção realizada. À princípio foi feito um resgate histórico da evolução dos direitos infanto-juvenis em caráter jurídico nacional dos séculos XIX a XX. Esse período abrange três perspectivas do Estado em lidar com essas demandas sociais, primeiramente sendo totalmente omisso e indiferente, posteriormente tutelando, leia-se administrando as mazelas sociais, e por fim garantindo minimamente os direitos das crianças e adolescentes. Também foi feito um apanhado geral das medidas socioeducativas aplicadas à adolescentes autores de ato infracional, bem como a articulação com os requisitos de cada uma dela e a forma como o adolescente deve cumprir, pontuando as diretrizes do Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (SINASE), tendo como foco a família, e a intensidade desses laços familiares. Outrossim, abordou-se a categoria família a partir de alguns autores, mesclando com relatos dos meus diários de campo, para a reflexão dos vínculos familiares dessas adolescentes no processo da socioeducação. Ao analisarmos o contexto sócio econômico das famílias, é nítida a dificuldade econômica que essas famílias enfrentam para cuidar e proteger devidamente das adolescentes. Grande parte das famílias das adolescentes que estão em regime de cumprimento de medida socioeducativa, experimentam vivências precárias ao aceeso a direitos fundamentais, e a uma sequência de problemas que intensificam essa precariedade. Logo, essas famílias se reconhecem apenas como frágeis e vulneráveis, sem perspectiva de atuação junto às adolescentes, dessa forma se coloca a imprescindibilidade em desenvolver programas e atividades entre eles, tanto para manter sólidos seus vínculos, quanto na óptica de reconhecer e apostar em suas competências para confrontar os problemas e dificuldades vivenciadas.
Abstract: This monograph analyzes the construction and resignification of the family ties of adolescents in deprivation of liberty in the CEDUC - Padre João Maria Educational Center, unit of FUNDASE - State Foundation for Children and Adolescents, during the period of my internship experience, which included the months of February to November, 2018. The specific objectives are summarized in characterizing the families of these adolescents, analyzing the data obtained through the field journals, and finally, analyzing the data that emerged during the intervention stage. The methodology of work was the bibliographical research, together with analyzes of the experience of obligatory stage; modality / qualitative type; the field diaries and the internship report containing the intervention were examined. At the beginning a historical rescue of the evolution of the rights of children and adolescents in national juridical character of the centuries XIX to XX was made. This period encompasses three perspectives of the State in dealing with these social demands, first being totally ignorant and indifferent, later guarding, reading itself administering social ills, and finally guaranteeing at least the rights of children and adolescents. A general survey was also made of the socio-educational measures applied to the adolescents responsible for an infraction, as well as the articulation with the requirements of each one of them and the way in which the adolescent should comply, punctuating the guidelines of the National Socio-Educational Service System (SINASE) focusing on the family, and the intensity of these family ties. Also, the family category was approached from some authors, mixing with reports from my field diaries, to reflect the family ties of these adolescents in the process of socioeducation. When analyzing the socioeconomic context of the families, the economic difficulty faced by these families to properly care for and protect the adolescents is clear. Most of the families of the adolescents who are in compliance with socio-educational measures, experience precarious experiences to the access to fundamental rights, and to a sequence of problems that intensify this precariousness. Therefore, these families recognize themselves as only fragile and vulnerable, with no prospect of acting with the adolescents, in this way, it is imperative to develop programs and activities among them, both to maintain their bonds solid, and in the perspective of recognizing and betting on their skills to confront the problems and difficulties experienced.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/9048
Other Identifiers: 20150129910
Appears in Collections:Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FamiliaNoProcessoSocioeducacao_Soares_2019.pdfAfamilianoprocessodesocioeducaçao_soares_2019.pdf735.36 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons