Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/8936
Title: O avanço do capital e as condições de trabalho dos/as assistentes sociais: reflexões a partir da vivência do estágio no CRESS/RN
Authors: Pinheiro, Rayane Dantas
Keywords: Serviço social;Condições de trabalho;Demandas profissionais;CRESS/RN
Issue Date: 19-Jun-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: PINHEIRO, Rayane Dantas. O avanço do capital e as condições de trabalho dos/as assistentes sociais: reflexões a partir da vivência do estágio no CRESS/RN. 2019. 68f. Trabalho de Conclusão de curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Departamento de Serviço Social, Natal/RN, 2019.
Portuguese Abstract: Este trabalho de conclusão de curso traz como tema as condições laborais dos/as assistentes sociais frente às novas configurações do mundo do trabalho e o avanço do sistema capitalista. A reflexão em torno dessa temática foi instigada no processo de estágio supervisionado obrigatório, com base nas demandas de trabalho que chegam ao Conselho Regional de Serviço Social da 14ª Região, especialmente ao setor de orientação e fiscalização do exercício profissional. Assim, o presente trabalho tem como objetivo analisar as particularidades das condições de trabalho dos/as assistentes sociais no Rio Grande do Norte, a partir das transformações contemporâneas do desenvolvimento do capital que impactam no mundo do trabalho. O percurso metodológico está baseado na pesquisa qualitativa de cunho bibliográfico e documental e o método que embasará esse estudo é o materialismo histórico dialético. Concluiu-se afirmando que as novas configurações relacionadas ao trabalho nessa sociabilidade capitalista afetam diretamente a atuação dos/as assistentes sociais nos diversos espaços ocupacionais, uma vez que esses profissionais sentem-se compelidos a se adequarem a realidade, e se constituem em desafios permanentes a atuação profissional. Para isso, firma-se a necessidade de enaltecer a ação dos órgãos representativos do Serviço Social, destacando a atuação do CRESS/RN na defesa da profissão e do exercício profissional e na busca incessante de minimizar esses desafios.
Abstract: This undergraduate final work elaborates about the social worker labor conditions under the recent configurations of jobs around the world and the growing capitalist system. My experience during my mandatory internship at Conselho Regional de Serviço Social da 14ª Região incited reflections about this subject based on the demands, especially in the guidance and inspection sector. The purpose of this term paper is to analyze the particularities of the working conditions of social workers in Rio Grande do Norte state in Brazil, considering the present-days developments in capital that impacts on world jobs. This final paper uses a qualitative research approach with a bibliographic and documentary methods as well as the historical dialectical materialism. I concluded by affirming that the new work-related configurations in this capitalist society directly affect the performance of social workers in their occupational spaces, since these professionals feel compelled to adapt to the reality as a result of permanent challenges to their professional performance. Hence, it is necessary to highlight the actions of the representative councils of the Social Service, for example the CRESS/RN's role in defending the profession and the professional practices in order to minimize these challenges.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/8936
Other Identifiers: 20155133915
Appears in Collections:Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AvancoDoCapital_Pinheiro_2019917.01 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons