Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/8880
Title: Drogas e o exercício da religiosidade e da cidadania: o entendimento dos grupos religiosos sobre o "Problema das Drogas"
Authors: Simeão, João Daniel de Lima
Keywords: Drogas;Religião;Cidadania;Proibicionismo
Issue Date: 22-Jun-2017
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SIMEÃO, João Daniel de Lima. Drogas e o exercício da religiosidade e da cidadania: o entendimento dos grupos religiosos sobre o “Problema das Drogas.” 2017. 56f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) - Departamento de Ciência de Ciências Sociais, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.
Portuguese Abstract: Este trabalho monográfico tem por objetivo analisar as relações existentes entre valores religiosos e valores políticos presentes no discurso e na prática de grupos religiosos especificamente no que diz respeito ao “problema das drogas”. Assim como, as relações e desdobramentos oriundos a relação entre “drogas”, religião e cidadania. Atrelado à reflexão teórica, que tem fundamentação teórica nos pensadores clássicos da Sociologia, historiadores e pesquisadores outros das áreas sociais aplicadas. Os dados empíricos foram colhidos por meio da aplicação de entrevistas feitas com 11 líderes religiosos, representando os segmentos Protestantes Tradicionais, Pentecostais, Igreja Católica Apostólica Romana e o Santo Daime. Pretendeu-se compreender o posicionamento que certas religiões assumem no tratamento dessa problemática atual de grande repercussão na esfera pública, visto que há forte tendência em associar “drogas” a concepções valorativas como vício e pecado, as quais se encontram intrínsecas formulações civilizatórias coerentes com a atual política proibicionista.
Abstract: This monographic work has as objective to analyze the relationship between religious values and political values present in the discourse and practice of religious groups, specifically regarding the “drugs problem”. As well as to analyze the unfoldings arising from the relationship between “drugs”, religion and citizenship. Associated to the theoretical reflection, the empirical data were collected by the application of interviews with 11 religious leaders, representing the traditional Protestant, Pentecostal, Roman Apostolic Catholic Church and the Saint Daime segments. It was intended to comprehend the position that certain religions assume in the treatment of this actual problematic of great repercussion in the public sphere, since there is a strong tendency to associate “drugs” with valuation conceptions such as vice and sin, in which are intrinsic civilizational formulations coherent with the current prohibitionist policy.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/8880
Other Identifiers: 2013025520
Appears in Collections:Ciências Sociais (licenciatura)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Drogaseoexercício_Simeão_2017Monografia519.46 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.