Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/8815
Title: Genes de resistência bacteriana: o estado da arte
Authors: Oliveira, Caroline Nobre
Keywords: Resistência Microbiana a Medicamentos;Bactéria;Genes;Drug Resistance;Microbial;Bacteria;Genes
Issue Date: 6-Jun-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: OLIVEIRA, Caroline Nobre. Genes de resistência bacteriana: o estado da arte. 2019. 53f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biomedicina) - Centro de Biociências, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2019.
Portuguese Abstract: A resistência bacteriana aos antibióticos é uma ameaça à saúde em todo o mundo. Esse fenômeno foi primeiro identificado logo após o uso dos primeiros antimicrobianos e até os dias atuais tem aumentado em proporção e consequências negativas, sendo alvo de preocupação e alerta. Envolvidos nesse processo, encontram-se os genes de resistência, os quais possuem um papel determinante em bactérias resistentes aos antibióticos. Este trabalho objetiva realizar uma revisão bibliográfica sobre os genes de resistência bacteriana a partir de bases de dados científicos especializados. Para esse fim foi utilizada como base a lista de patógenos prioritários elaborada pela Organização Mundial da Saúde, na qual estão listadas, em três grupos por ordem de prioridade, as bactérias de importância clínica mais preocupantes no mundo. Desse modo, foram compilados os principais genes de resistência a antibióticos específicos das bactérias consideradas de risco crítico, alta prioridade e média prioridade. Cada bactéria resistente possui em seus genes a origem da resistência aos antimicrobianos. Na maioria delas, mais de um gene e mecanismos genéticos e bioquímicos estão envolvidos no desenvolvimento da resistência. Assim, é possível notar a importância do estudo dos genes de resistência para o completo entendimento da resistência bacteriana como forma de auxílio no diagnóstico e no desenvolvimento de novas medidas terapêuticas.
Abstract: Bacterial resistance to antibiotics is a worldwide health threat. This phenomenon was first identified shortly after the use of the first antimicrobials and to this day has increased in proportion and negative consequences, being the object of concern and alertness. Involved in this process are the resistance genes, which play a key role in antibiotic resistant bacteria. This work aims to carry out a bibliographic review on bacterial resistance genes from specialized scientific databases. For this purpose, the list of priority pathogens prepared by the World Health Organization was used as the basis for listing the world's most worrisome bacteria of clinical importance in three priority groups. Thus, the main antibiotic resistance genes specific to the bacteria considered critical risk, high priority and medium priority were compiled. Each resistant bacterium has on its genes the origin of antimicrobial resistance. In most of them, more than one gene and genetic and biochemical mechanisms are involved in the development of resistance. Thus, it is possible to note the importance of the study of resistance genes for the complete understanding of bacterial resistance as a way of aiding in the diagnosis and development of new therapeutic measures.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/8815
Other Identifiers: 2015060401
Appears in Collections:Biomedicina

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GenesResistenciaBacteriana_Oliveira_2019.pdf503.84 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons