Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/8768
Title: Análise dos esforços de dobramento aplicado por uma calandra de perfil
Authors: Dantas, Rafael de Carvalho
Keywords: Calandra, fabricação, máquina.;Calender, manufacturing, machine.
Issue Date: 17-Jun-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: DANTAS, Rafael de Carvalho. Análise dos esforços de dobramento aplicado por uma calandra de perfil. 2019. 48f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2019.
Portuguese Abstract: Teve-se a ideia de construir uma máquina a qual fosse possível analisar o sistema de transmissão de potência. A partir disso, viu-se que era possível construir uma calandra apenas com materiais de sucata para baratear os custos e também seria uma maneira de fazer um reaproveitamento desses materiais levando em conta a questão do meio ambiente. Porém ao comprar os materiais, foram observados vários problemas no projeto. Foram usados conceitos aprendidos durante o curso para solucionar esses problemas da melhor forma possível. Na escolha dos materiais que iriam constituir a calandra teve-se muita cautela na seleção, tendo em vista que, cada material fosse aproveitado da melhor forma possível, um exemplo disso foi o tarugo, que ao passar por um processo de fabricação seria o eixo de transmissão, foi escolhido para o eixo um aço de alta dureza, pois sabía-se que o mesmo passaria por esforços que exigiria dureza. Nessa construção foram usados diversos processos de fabricação e conformação para que na hora da montagem tudo se encaixasse da melhor forma possível, sem interferências. Processos esses de torneamento, soldagem, corte plasma e também utilizamos uma furadeira eletromagnética para fazermos furos nas chapas. A ideia da calandra foi muito proveitosa pois conseguiu-se obter resultados positivos em seu funcionamento com um baixo custo na construção, se comparamos custo benefício nosso projeto foi muito proveitoso.
Abstract: We had the idea of building a machine where we could analyze the power transmission system. From that point on, we researched and saw that it was possible to construct a calandra with only scrap materials to make the costs feasible and would also be a way to reuse these materials taking into account the environmental issue. However, as we began to buy the materials we were faced with several problems in our project, we used concepts learned during the course to solve these problems in the best possible way. In choosing the materials that would constitute the calender we had a lot of caution in the selection, considering that each material was used in the best possible way, an example of this was the billet, that when going through a manufacturing process would be our axis of transmission, we chose for the shaft a steel of high hardness, since we knew that it would undergo efforts that would require hardness. In this construction we used various manufacturing and conformation processes so that at the time of assembly everything fit in the best possible way without interference. These processes of turning, welding, cutting plasma and also we use an electromagnetic drill to drill holes in the plates. This project that we built came from a course in Mechanical Engineering taught by Professor Luiz Claudio (Machine Elements II), it was proposed to bring in the classroom a project of a machine where it would have to have some requirements, three gears and at least two axes. The idea of the calender was very beneficial because we managed to obtain positive results in its operation with a low cost in the construction, if we compared cost benefit our project was very useful.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/8768
Other Identifiers: 20170009641
Appears in Collections:Engenharia Mecânica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCCf.pdf1.37 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.