Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/8581
Title: Os desafios no ensino de matemática para alunos com deficiência auditiva
Authors: Medeiros, Emmylie
Keywords: Educação inclusiva;Alunos surdos.;Ensino de Matemática;Professor
Issue Date: 11-Dec-2018
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: BRASIL. Declaração de Salamanca: sobre princípios, políticas e práticas na área das necessidades educativas especiais. Brasília: CORDE, 1994. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seesp/arquivos/pdf/salamanca.pdf. Acesso em: 02 de outubro, 2018 BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988: promulgada em 5 de outubro. Brasília. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/Constituicao.htm. Acesso em: 02 de outubro, 2018. BRASIL. MEC. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional - LDB 9.394/96. Brasília, DF: MEC, 1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm. Acesso em: 02 de outubro, 2018. BRASIL. Lei nº 10.436, de 24 de abril de 2002. Dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais – Libras e dá outras providências. Diário Oficial, Brasília, DF, 25 abr. 2002. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Leis/2002/L10436.htm. Acesso em: 02 de outubro, 2018. BRASIL. Decreto nº 5.626, de 22 de dezembro de 2005. Regulamenta a Lei nº 10.436, de 24 de abril de 2002, e o art. 18 da Lei nº 10.098, de 19 de dezembro de 2000. Diário Oficial da União, Brasília, 23 dez. 2005. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004- 2006/2005/decreto/d5626.htm. Acesso em: 02 de outubro, 2018. CARNEIRO, K. T. A. Cultura surda na aprendizagem matemática: o som do silêncio em uma sala de recurso multifuncional. Dissertação (Dissertação do Programa de PósGraduação em Educação em Ciências e Matemática) Universidade Federal do Pará, 2009. CARVALHO, D. L. Metodologia do Ensino da Matemática. São Paulo: Cortez, 1994. (Coleção magistério 2º grau. Série formação do professor). 2. Ed. rev. CUKIERKORN, M. M. O. B. A Escolaridade Especial do Deficiente Auditivo: Estudo Crítico Sobre os Procedimentos Didáticos Especiais. 1996. Dissertação (Mestrado em Educação) – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 1996. DE OLIVEIRA, Q. M.; DE FIGUEIREDO, F. J. Q. Educação dos surdos no Brasil: um percurso histórico e novas perspectivas. Revista Sinalizar, v. 2, n. 2, p. 174-197. 32 FIORENTINI, D. Alguns modos de ver e conceber o ensino de matemática no Brasil. Revista: ZETETIKÉ, Campinas, n. 4, p. 01 – 35. Novembro, 1995. GOÉS, M. C. R. de. Linguagem, surdez e educação. Campinas, São Paulo: Autores associados, 2. Ed., 1999. KIRK, S. A.; GALLAGHER, J. J. Educação da criança excepcional. 3ª ed. São Paulo: Martins Fontes, 1996. Tradução: Marília Zanella Sanvicente. MARTINS, L. de A. R. – [et al.] organizadores. – Inclusão: compartilhando saberes. Petrópolis, Rio de Janeiro: Vozes, 2006. MICOTTI, M. C. O. O ensino e as propostas pedagógicas. In: BICUDO, M. A. V. (Org.) Pesquisa em Educação Matemática: Concepções e Perspectivas. São Paulo: Editora UNESP, 1999. cap. 9, p.153-167. OLIVEIRA, J. S. de. A comunidade surda: perfil, barreiras e caminhos promissores no processo de ensino-aprendizagem em matemática. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciência e Matemática). Centro federal de educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca – Cefet/ RJ. Rio de Janeiro, 2005. PERLIN, G. T. T. Identidades surdas. In: SKLIAR, C. (Org.). A surdez: um olhar sobre as diferenças. Porto Alegre: Mediação, 1998. SACKS, O. W. Vendo vozes: uma viagem ao mundo dos surdos. Tradução Laura Teixeira Mota. São Paulo: Companhia das Letras, 2010. SANTALÓ, L. A. Matemática para não matemáticos. In: PARRA, C.; SAIZ, I. (org.). Didática da Matemática: reflexões psicopedagogias. Porto Alegre: Artmed, 1996. Cap. 1, p. 11-25. SILVA, L. C. A surdez: descobrindo as práticas pedagógicas. In: DECHICHI, C.; SILVA, L. C. da (Org.). Inclusão e educação especial: teoria e prática na diversidade. Uberlândia: EDUFU, 2008. Cap. 13, p. 267-296. ISBN: 978-85-7078-176-5 SMITH, D. D. Introdução à educação especial: ensinar em tempos de inclusão. 5. Ed. Porto Alegre: Artmed, 2008. Cap. 10. p. 297-326. 33 STAINBACK, S. & STAINBACK, W. Inclusão: um guia para educadores. Porto Alegre: Artmed, 1999. In: MARTINS, L. de A. R. – [et al.] organizadores. – Inclusão: compartilhando saberes. Petrópolis, Rio de Janeiro: Vozes, 2006. ISBN: 85.326.3308-0 STROBEL, K. História da educação de surdos. Florianópolis: UFSC, 2009. TARDIF, M. Saberes Docentes e Formação Profissional. 10 ed. Petrópolis-RJ: Vozes, 2010.
Portuguese Abstract: O presente trabalho tem como objetivo principal, conhecer os desafios enfrentados pelo professor no Ensino de Matemática para alunos com deficiência auditiva, nas escolas públicas de Caicó – RN. Este estudo se constitui em uma análise bibliográfica e pesquisa de campo, de caráter qualitativo. Tomamos como base para o referencial teórico, autores como Carneiro (2009), Sacks (2010), Smith (2008), Oliveira (2005), além de documentos como Declaração de Salamanca e Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. O estudo teve como etapas a elaboração e aplicação de um questionário com os professores de matemática que lecionam para alunos surdos, em turmas de ensino médio, com a finalidade de identificar o processo de inclusão dos surdos em escolas regulares de ensino, as dificuldades enfrentadas pelo professor em ensinar matemática aos surdos, e as metodologias utilizadas por ele. A análise dos resultados obtidos, de modo geral, mostrou que as dificuldades relatadas pelos professores baseiam-se na comunicação utilizada em sala de aula e a falta de intérpretes para intermediar essa comunicação com os surdos. Quanto ao uso de metodologia especializada, relataram dificuldades na elaboração de estratégias metodológicas e a falta de tempo para inovar em sala de aula. Tais resultados indicam que as escolas estão parcialmente preparadas para a inclusão dos surdos, consequente da falta de profissionais qualificados nesta área.
Abstract: The present work has as main objective, to know the challenges faced by the teacher in the Teaching of Mathematics for students with hearing impairment, in the public schools of Caicó - RN. This study constitutes a bibliographical analysis and field research, of qualitative character. We take as a base for the theoretical reference, authors like Carneiro (2009), Sacks (2010), Smith (2008), Oliveira (2005), besides documents like Declaration of Salamanca and Law of Guidelines and Bases of National Education. The study had as stages the elaboration and application of an quiz with the mathematics teachers who teach to deaf students, in high school classes, with the purpose of identifying the process of inclusion of the deaf in regular schools, the difficulties faced by the deaf teacher in teaching mathematics to the deaf, and the methodologies used by him. The analysis of the results obtained, in general, showed that the difficulties reported by the teachers are based on the communication used in the classroom and the lack of interpreters to mediate this communication with the deaf. Regarding the use of specialized methodology, they reported difficulties in the elaboration of methodological strategies and the lack of time to innovate in the classroom. These results indicate that the schools are partially prepared for the inclusion of the deaf, resulting from the lack of qualified professionals in this area.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/8581
Other Identifiers: 2014034102
Appears in Collections:CERES - Matemática

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
OsDesafiosnoEnsino_Medeiros_2018.pdf1.14 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons