Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/8399
Title: Fracionamento de metais pesados por procedimento de extra çã o sequencial em sedimentos da Lagoa de Extremoz
Authors: Santos, Wagner Pereira dos
Keywords: Bacia Hidrográfica do Rio Doce;granulometria dos sedimentos;Materiais de referência certificados
Issue Date: 13-Dec-2018
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SANTOS, Wagner Pereira dos. Fracionamento de metais pesados por procedimento de extração sequencial em sedimentos da Lagoa de Extremoz. 2018. 56 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geologia) - Departamento de Geologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: A Lagoa de Extremoz, inserida na bacia hidrográfica do Rio Doce, Rio Grande do Norte, se enquadra num cenário de degradação em decorrência da rápida e desordenada expansão industrial, urbana e agrícola. Como possíveis responsáveis pela contaminação desse sistema hídrico estão os metais traços. Com o intuito de verificar uma relação entre esses metais e resultados de testes ecotoxicológicos, nove amostras de sedimentos aquáticos coletadas em um mesmo ponto da Lagoa de Extremoz de março a novembro de 2014, foram submetidas ao procedimento de extração sequencial seletiva, que está entre as metodologias mais utilizadas para determinar a especiação de metais traço em solos e sedimentos contaminados. O procedimento requer o uso de uma série de reagentes propostos que, em teoria, dissolverão por etapa os metais específicos para a solução de determinadas frações (trocável, redutível, oxidável e residual). Foi realizada também extração pseudo total. Foram utilizados materiais de referência certificados (BCR-701 e MAG-1) para comparação dos resultados obtidos com os da literatura, dessa forma avaliando a eficácia dos procedimentos de extração sequencial. Dentre os metais pesados analisados (Cd, Pb, Cu, Zn, Ni e Cr) os testes com BCR-701 mostraram resultados satisfatórios para Pb, Cu, Ni, Cr e Zn. Aplicando a extração nas amostras de sedimentos aquáticos, os resultados obtidos foram agrupados em uma matriz de correlação. A partir do valor calculado de rcrit, verificou-se que os metais pesados que apresentam correlação significativa negativa com os resultados dos testes ecotoxicológicos são Zn, Cu e Cr ligados à fração oxidável (matéria orgânica e sulfetos) e à fração redutível (óxidos e hidróxidos de Fe), além de Zn associado à fração trocável. Outro fator que parece ter influência na baixa sobrevivência dos organismos teste nas amostras de sedimento estudadas é a sua granulometria, mais especificamente a areia grossa e a fração síltico argilosa.
Abstract: The Extremoz Lagoon, located in the Rio Doce hydrographic basin, Rio Grande do Norte State, is part of a degradation scenario resulting from rapid and disordered industrial, urban and agricultural expansion. As possible responsibles for the contamination in this water system are trace metals. In order to verify a relationship between these metals and results of ecotoxicological tests, nine samples of aquatic sediments, collected at the same location in the Extremoz Lagoon, from March to November 2014, were submitted to a selective sequential extraction procedure, which is among the methodologies used to determine trace metal speciation in contaminated soils and sediments. The procedure requires the use of a number of proposed reagents which, in theory, will dissolve by step specific metals from determinated fractions (exchangeable, reducible, oxidizable and residual) to the solution. Total pseudo extraction was also performed. Certified reference materials (BCR-701 and MAG-1) were used to compare the obtained results with the literature, thus evaluating the efficacy of the sequential extraction procedures. Among the analyzed heavy metals (Cd, Pb, Cu, Zn, Ni and Cr) the BCR-701 tests showed satisfactory results for Pb, Cu, Ni, Cr and Zn. Applying the extraction to the aquatic sediment samples, the obtained results were grouped in a correlation matrix. From the calculated value of rcrit, it was found that the heavy metals which have a significant negative correlation with the results of the ecotoxicological tests are Zn, Cu and Cr bound to the oxidizable fraction (organic matter and sulphides) and to the reducible fraction (oxides and hydroxides of Fe), in addition to Zn associated to the exchangeable fraction. Another factor that seems to influence the low survival of the test organisms in the sediment samples studied is their granulometry, more specifically the coarse sand and the silty clay fraction.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/8399
Other Identifiers: 2013016585
Appears in Collections:Geologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FracionamentoMetaisPesados_Santos_2018.pdf2.57 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons