Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/8148
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSOUZA, JANE CARLA-
dc.contributor.authorLima, Juliana Romano-
dc.date.accessioned2018-12-20T13:29:24Z-
dc.date.available2018-12-20T13:29:24Z-
dc.date.issued2018-12-05-
dc.identifier2014087554pt_BR
dc.identifier.citationLIMA, Juliana Romano de. Avaliação da qualidade do sono, sonolência diurna e suporte social de estudantes de uma instituição federal de ensino de acordo com a classificação socioeconômica e o sexo. 2018. 48f. Artigo Científico (Graduação em Enfermagem) - Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Santa Cruz, RN, 2018.pt_BR
dc.identifier.urihttp://monografias.ufrn.br/handle/123456789/8148-
dc.description.abstractSleep plays an important role in the biological, cognitive, emotional and behavioral development of adolescents, and has psychosocial aspects as determinants factors for sleep quality. Thus, we sought to evaluate sleep quality, daytime sleepiness and social support according to socioeconomic status and sex in a healthy sample of adolescents. One hundred and eighty-five adolescents from a federal teaching institution were evaluated, presenting a mean age of 16.2 ± 1.0 years, 55% of which were female. The instruments used for the data collection were: Identification and Socio-demographic Assessment, containing questions about sociodemographic and health characteristics; Pittsburgh Sleep Quality Index and Pediatric Daytime Sleepiness Scale that investigates aspects related to sleep quality and daytime sleepiness, respectively; and Social Support Satisfaction Scale consisting of questions that evaluate the variables satisfaction with friends, intimacy, family and social activities. In the groups of the different socioeconomic categories, no differences were observed regarding sleep quality and daytime sleepiness, however, lower income individuals felt less supported in relation to the social support leisure category of social support. Additionally, girls presented worse sleep quality, greater daytime sleepiness and low social support for social activities. We consider it necessary to create and implement educational strategies aimed at improving sleep hygiene for adolescents and to adequately guide family and pedagogical staff on issues related to better quality of sleep and social support, as well as to address issues related to daytime sleepiness.pt_BR
dc.languagept_BRpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio Grande do Nortept_BR
dc.rightsCC0 1.0 Universal*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/publicdomain/zero/1.0/*
dc.subjectSleep qualitypt_BR
dc.subjectSocioeconomic conditionpt_BR
dc.titleAvaliação da qualidade do sono, sonolência diurna e suporte social de estudantes de uma instituição federal de ensino de acordo com a classificação socioeconômica e o sexopt_BR
dc.title.alternativeEvaluation of sleep quality, daytime sleepiness and social support of students from a federal educational institution according to socioeconomic classification and genderpt_BR
dc.typebachelorThesispt_BR
dc.description.resumoO sono desempenha importante papel no desenvolvimento biológico, cognitivo, emocional e comportamental dos adolescentes, e possui como fatores determinantes para sua qualidade aspectos psicossociais. Dessa forma, buscou-se avaliar a qualidade do sono, a sonolência diurna e o suporte social de acordo com a classificação socioeconômica e sexo em uma amostra saudável de adolescentes. Foram avaliados 185 adolescentes de uma instituição federal de ensino apresentando idade média de 16,2 ± 1,0 anos, sendo 55% do sexo feminino. Os instrumentos utilizados para a coleta de dados foram: Ficha de Identificação e Avaliação Sociodemográfica, contendo questões acerca das características sociodemográficas e de saúde; Índice de Qualidade do Sono de Pittsburg e Escala Pediátrica de Sonolência Diurna que investiga aspectos relacionados à qualidade do sono e sonolência diurna, respectivamente; e Escala de Satisfação com o Suporte Social constituída por questões que avaliam as variáveis satisfação com amigos, intimidade, família e atividades sociais. Nos grupos das diferentes categorias socioeconômicas não foram verificadas diferenças em relação à qualidade do sono e sonolência diurna, no entanto, indivíduos de renda mais baixa se sentiram menos apoiados em relação à categoria atividades sociais/lazer do suporte social. Adicionalmente, meninas apresentaram pior qualidade do sono, maior sonolência diurna e baixo suporte social para atividades sociais. Consideramos necessário à criação e implementação de estratégias educacionais que visem melhorar a higiene do sono dos adolescentes e orientar adequadamente familiares e equipe pedagógica sobre questões inerentes aos problemas de sono e suporte social.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentENFERMAGEMpt_BR
dc.publisher.initialsUFRNpt_BR
Appears in Collections:FACISA - Enfermagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LIMAJR.pdf
Restricted Access Until 2020-12-05
submissao a revista
Monografia_artigoJULIANA1.03 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons