Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/8138
Title: Associação entre as adversidades vividas na infância e gravidez na adolescência.
Other Titles: Association between adverse life conditions in childhood and teenager pregnancy.
Authors: Fonseca de Macêdo, Arthur Vinícius
Keywords: Infância;Gravidez na Adolescência;Condições Sociais;Vulnerabilidade Social;Childhood;Adolescence Pregnancy;Social conditions;Social vulnerability
Issue Date: 26-Nov-2018
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: MACÊDO, Arthur Vinícius Fonseca de. Associação entre as adversidades vividas na infância e a gravidez na adolescência. 2018. 28 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem) - Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Santa Cruz, 2018.
Portuguese Abstract: Objetivos: O propósito desde estudo foi investigar a associação entre adversidades vividas na infância e a gravidez na adolescência em uma amostra de grávidas da região do Trairi, no estado do Rio Grande do Norte. Métodos: Trata-se de um estudo caso-controle que entrevistou 100 gestantes primigestas, sendo 50 adolescentes (13-18 anos) no grupo de casos e 50 adultas (23-28) no grupo de controles, onde foram questionadas sobre adversidades socioeconômicas durante a infância. Para análise dos fatores associados à gravidez na adolescência, foram aplicados os Teste Qui-quadrado e a Odds Ratio, considerando o intervalo de confiança de 95%. Resultados: Observou-se uma maior frequência de adversidades na infância entre as adolescentes que as adultas, havendo significância estatística apenas para a ocorrência de divórcio dos pais nos primeiros anos de vida (p= 0,023). Conclusão: Conclui-se que a gravidez na adolescência está relacionada a piores condições de vida durante a infância. Fornecer maior suporte social e reduzir a ocorrência de adversidades sociais nas famílias de localidades pobres pode ser uma estratégia útil para reduzir os índices de gravidez na adolescência.
Abstract: Objectives: The purpose of this study was investigate the association between adverse life conditions in childhood and teenager pregnancy in a sample of pregnant women of Trairí region, in Rio Grande do Norte state. Methods: It was a case-control study that interviewed 100 primigravida women, 50 adolescents (13-18 years) in the group of cases and 50 adults (23-28) in the control group, where they were questioned about socioeconomic adversities during childhood. To analyze associated factors with adolescent pregnancy, the Chi-square test and the Odds ratio were used, considering the 95% confidence interval. Results: There was a greater frequency of childhood adversities among adolescents than adults, with statistical significance only for the divorce of the parents in the first years of life. Conclusions: It is concluded that teenage pregnancy is related to worse conditions of life during childhood. Providing greater social support and reducing the occurrence of social adversities in families from poor localities may be a useful strategy for reducing teenage pregnancy rates.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/8138
Other Identifiers: 2014087198
Appears in Collections:FACISA - Enfermagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_ARTHUR_FINALIZADO.docx
Restricted Access Until 2020-12-18
TCC - Arthur Vinícius99.13 kBMicrosoft Word XMLView/Open    Request a copy
TCC_ARTHUR_FINALIZADO_PDF.pdf
Restricted Access Until 2020-12-18
TCC - Arthur Vinícius - PDF339.77 kBAdobe PDFView/Open    Request a copy


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons