Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/8016
Title: Análise do comportamento glicêmico e da capacidade funcional após testes de campo em hipertensos diabéticos
Other Titles: Analysis of glycemic behavior and functional capacity after field tests in diabetic hypertensions
Authors: Souza, Esdras David Silva de
Keywords: Functionality;Walk Test;quality of life
Issue Date: 2018
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SOUZA, Esdras David Silva de. Análise do comportamento glicêmico e da capacidade funcional após testes de campo em hipertensos diabéticos. 2018. 35 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Fisioterapia) - Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Santa Cruz, 2018.
Portuguese Abstract: Introdução: A Diabetes Mellitus vem se tornando uma das doenças com maior numero de portadores em todo o mundo. Esse fato corresponde, principalmente, por hábitos de vida sedentários adotados por parte da população. Deste modo, o sistema cardiovascular é diretamente afetado, causando limitações nas atividades de vida. Objetivo: analisar e comparar o comportamento glicêmico e a capacidade funcional de indivíduos hipertensos com diabetes e somente hipertensos após testes de campo. Metodologia: Trata-se de um estudo clínico, transversal e com amostra por conveniência, desenvolvido no Laboratório de Motricidade e Fisiologia Humana da Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi (FACISA). Foram incluídos vinte e quatro (24) indivíduos, divididos em dois grupos: o primeiro era composto por indivíduos hipertensos com diabetes (n:11) e o segundo por somente hipertensos (n:12). Ambos os grupos realizaram a coleta dos dados antropométricos, os testes glicêmicos, o Teste de Caminhada de Seis Minutos (TC6) e o Teste de Caminhada Incremental (TCI). Resultados: Houve diferença estatisticamente significativa para o Grupo 1 (111,6±13,61 x 97,5±13,04, respectivamente, p=0,002). Enquanto que, para o Grupo 2, não houve diferença estatisticamente significativa (175,5±13,6 x 161,1±13, respectivamente, p=0,075). Em relação à capacidade funcional, não houve diferença estatística segundo o TC6, entretanto, houve significância a partir do TCI entre os grupos (p=0,008). Conclusão: Foi possível concluir que a execução dos testes de campo proporcionou uma diminuição nos valores glicêmicos, bem como identificação na diminuição da capacidade funcional dos indivíduos estudados.
Abstract: Introduction: Diabetes Mellitus has become one of the most common carrier diseases in the world. This fact corresponds, mainly, to sedentary habits of life adopted by the population. In this way, the cardiovascular system is directly affected, causing limitations in life activities. Objective: to analyze and compare the glycemic behavior and functional capacity of hypertensive individuals with diabetes and only hypertensive individuals after field tests. Methodology: This is a clinical, cross-sectional study with a convenience sample, developed at the Laboratory of Human Physiology and Physiology of the Faculty of Health Sciences of Trairi (FACISA). Twenty-four (24) subjects were divided into two groups: the first group consisted of hypertensive individuals with diabetes (n: 11) and the second group was hypertensive (n: 12). Both groups performed the anthropometric data collection, the glycemic tests, the Six-Minute Walk Test (TC6) and the Incremental Walk Test (TCI). Results: There was a statistically significant difference for Group 1 (111.6 ± 13.61 x 97.5 ± 13.04, respectively, p = 0.002). While for Group 2, there was no statistically significant difference (175.5 ± 13.6 x 161.1 ± 13, respectively, p = 0.075). Regarding functional capacity, there was no statistical difference according to the 6MWT, however, there was significance from the ICF between the groups (p = 0.008). Conclusion: It was possible to conclude that the execution of the field tests provided a decrease in the glycemic values, as well as identification in the decrease of the functional capacity of the individuals studied.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/8016
Other Identifiers: 2013012380
Appears in Collections:Fisioterapia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
analisedocomportamentoglicemico_souza_2018.pdf1,02 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons