Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/8007
Title: Gerenciamento de resíduos do departamento de engenharia química do núcleo de tecnologia industrial (NTI) da UFRN
Authors: Araújo, Renata Montoril de Souza
Keywords: Resíduos químicos;Resíduos perigosos;Gerenciamento de resíduos;Instituições de ensino e pesquisa;Meio ambiente
Issue Date: 14-Dec-2018
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: ARAÚJO, Renata Montoril de Souza. Gerenciamento de resíduos do departamento de engenharia química do núcleo de tecnologia industrial (NTI) da UFRN. 2018. 58f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Ambiental) - Centro de Tecnologia, Curso de Engenharia Ambiental, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: Nas últimas décadas, o aumento da população aliado aos hábitos de consumo de nossa sociedade, resultaram na elevação da produção industrial, o que se configura como uma das principais causas de poluição e de liberação de resíduos químicos. A ausência de tratamento e a incorreta disposição dos resíduos químicos levam à contaminação do solo, do ar e dos recursos hídricos, comprometendo a saúde pública e o meio ambiente. As Instituições de Ensino e Pesquisa manuseiam diversos tipos de produtos e geram, da mesma forma uma variedade de resíduos no desenvolvimento de suas atividades, porém a falta de um programa de gestão de resíduos tem levado a um descarte pouco responsável nessas instituições. Os resíduos químicos perigosos gerados no Departamento de Engenharia Química (DEQ) situados no Núcleo de Tecnologia Industrial (NTI) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), necessitam de procedimentos seguros de manejo para a sua disposição final, uma vez que precisam de um descarte adequado, diferente daquele dado ao lixo doméstico, conforme estabelecido na legislação. O objetivo deste trabalho foi o de fazer um levantamento da situação atual dos laboratórios, em especial ao gerenciamento dos resíduos químicos, do Departamento de Engenharia Química da UFRN. O trabalho classificou-se como tendo uma abordagem tanto qualitativa, quanto quantitativa, na qual uma complementa a outra. A metodologia utilizada constituiu-se da aplicação de um questionário, dirigido aos responsáveis pelos laboratórios. Os resultados obtidos demonstram que os laboratórios ainda não atendem a legislação quanto ao gerenciamento adequado de resíduos sólidos. A falta de um manejo adequado para os resíduos químicos perigosos acaba por expor os usuários dos laboratórios a riscos físicos, químicos, biológicos e de acidentes. Assim, a gestão dos resíduos perigosos é de fundamental importância para os laboratórios do DEQ, por visar a promoção de suas atividades de ensino, pesquisa e extensão de forma ambientalmente adequada.
Abstract: Nas últimas décadas, o aumento da população aliado aos hábitos de consumo de nossa sociedade, resultaram na elevação da produção industrial, o que se configura como uma das principais causas de poluição e de liberação de resíduos químicos. A ausência de tratamento e a incorreta disposição dos resíduos químicos levam à contaminação do solo, do ar e dos recursos hídricos, comprometendo a saúde pública e o meio ambiente. As Instituições de Ensino e Pesquisa manuseiam diversos tipos de produtos e geram, da mesma forma uma variedade de resíduos no desenvolvimento de suas atividades, porém a falta de um programa de gestão de resíduos tem levado a um descarte pouco responsável nessas instituições. Os resíduos químicos perigosos gerados no Departamento de Engenharia Química (DEQ) situados no Núcleo de Tecnologia Industrial (NTI) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), necessitam de procedimentos seguros de manejo para a sua disposição final, uma vez que precisam de um descarte adequado, diferente daquele dado ao lixo doméstico, conforme estabelecido na legislação. O objetivo deste trabalho foi o de fazer um levantamento da situação atual dos laboratórios, em especial ao gerenciamento dos resíduos químicos, do Departamento de Engenharia Química da UFRN. O trabalho classificou-se como tendo uma abordagem tanto qualitativa, quanto quantitativa, na qual uma complementa a outra. A metodologia utilizada constituiu-se da aplicação de um questionário, dirigido aos responsáveis pelos laboratórios. Os resultados obtidos demonstram que os laboratórios ainda não atendem a legislação quanto ao gerenciamento adequado de resíduos sólidos. A falta de um manejo adequado para os resíduos químicos perigosos acaba por expor os usuários dos laboratórios a riscos físicos, químicos, biológicos e de acidentes. Assim, a gestão dos resíduos perigosos é de fundamental importância para os laboratórios do DEQ, por visar a promoção de suas atividades de ensino, pesquisa e extensão de forma ambientalmente adequada.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/8007
Other Identifiers: 20170008537
Appears in Collections:Engenharia Ambiental

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GerenciamentoDeResíduos_Araújo_2018.pdf3.03 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons