Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/7880
Title: Os efeitos do eSocial na auditoria trabalhista
Authors: Pereira, Gabrielly do Nascimento
Keywords: eSocial;eSocial;Auditoria;Audit;SPED
Issue Date: 7-Dec-2018
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: PEREIRA, Gabrielly do Nascimento. Os efeitos do eSocial na auditoria trabalhista. 2018. 57f. Monografia (Graduação em Ciências contábeis), Departamento de Ciências Contábeis, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: Os avanços da tecnologia da informação, alinhados ao crescimento constante das empresas, quer em tamanho, quer em diversificação de sua atividade econômica, impulsionaram as exigências de obrigações acessórias por parte dos órgãos fiscalizadores, tornando-as mais complexas para um grupo limitado de pessoas controlarem todas as operações ligadas à atividade. Em 2014, foi instituído o Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas – eSocial, pelo decreto 8.373, de 11 de dezembro de 2014, que modificou a atuação dos órgãos fiscalizadores, podendo impactar a gestão das empresas de todo o país. Este estudo tem como proposta investigar os efeitos do eSocial nas evidências de auditoria da área trabalhista, abordar as mudanças na atual estrutura de informação trabalhista ao fisco nacional. Para tanto, aborda o Sistema Público de Escrituração Digital – SPED e seus projetos, buscando exaltar a importância da Auditoria Trabalhista como ferramenta de apoio à gestão, com independência garantida, imprescindível no mundo empresarial moderno e globalizado. O estudo utiliza a revisão bibliográfica acerca de estudos envolvendo eSocial e possíveis impactos na auditoria independente, na área trabalhista no Brasil, pesquisando na literatura a existência de temas relacionados a fim de fazer análise critica dos possíveis efeitos do eSocial quando implementado pela empresa no processo de auditoria. O estudo apresenta três etapas: a primeira consistiu na pesquisa e na evidenciação dos principais objetos envolvendo o eSocial e na seleção das principais normas que direcionam o início, o meio e o final do serviço da auditoria independente, dividido em três tópicos Planejamento, Evidências e Relatório dos Auditores. A segunda etapa buscou verificar, com base nos tópicos selecionados, os procedimentos realizados que caracterizavam a descrição da realização do serviço. A terceira etapa da pesquisa analisou se a implantação do eSocial interfere na auditoria independente da área trabalhista. O impacto é relevante para os diversos usuários, como os órgãos fiscalizadores que farão auditoria em tempo real das empresas. É possível perceber que a forma como os dados e as informações serão disponibilizados referentes à área trabalhista aperfeiçoará o trabalho realizado e diminuirá os riscos de auditoria.
Abstract: The advances of technology information, in line with constant growth of companies, both in size and diversification of their economics activities, It has driven the requirements of ancillary obligations by the oversight bodies, making it more complex for a limited group of people to control that operations related to their activities. In 2014, the Digital Bookkeeping System for Tax, Social Security and Labor Obligations - eSocial, was established through decree 8,373 December 11th, which It will be modifier the auditing performance agencies, which may impact the management of companies throughout the country. This study purpose is investigate eSocial effects audit evidence labor area, to address changes current structure labor information to the National Treasury. In that view, it was necessary to address Public Digital Bookkeeping System – SPED and its projects. This study purpose is emphasize importance Labor Audit as tool support management, with guaranteed independence, essential in modern and globalized business world. This study was carried out using bibliographical review about studies involving eSocial and possible impacts on independent audit labor area in Brazil, researching literature existence of related topics and make a critical analysis about possible effects of eSocial when implemented by company process audit. The study was divided into three stages: The first step consisted researching and disclosing main objects involving eSocial, and selecting main norms that guide beginning, middle and end of independent audit service, it was dividing into three planning topics, Evidence and Auditor's Report. The second step sought to verify, based on topics selected, procedures performed to characterized service description accomplishment. The third stage research sought analyze if eSocial implantation interferes in labor area independent audit. The impact is relevant for several users, like the supervisory organs that faram auditing in real time of enterprises. It is possible to realize, that the form as the data and informations will be available referents to the labor area, it will perfect the fulfilled work and will reduce them auditing risks.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/7880
Other Identifiers: 2014056119
Appears in Collections:Ciências Contábeis

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
EfeitosdoeSocial_Pereira_20181.28 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.