Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/7782
Title: A percepção dos discentes sobre a felicidade e sua relação com fatores motivacionais e o desempenho acadêmico
Authors: Souza, Fernanda Gabriella Oliveira Melo de
Keywords: Felicidade;Happiness;Motivação;Motivation;Academic performance;Desempenho acadêmico
Issue Date: 6-Dec-2018
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SOUZA, Fernanda Gabriella Oliveira Melo de. A percepção dos discentes sobre a felicidade e sua relação com fatores motivacionais e o desempenho acadêmico. 2018. 44f. Monografia (Graduação em Ciências Contábeis), Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: As diferentes percepções sobre a felicidade e como ela se relaciona e influencia nos fatores motivacionais e no comportamento acadêmico despertam tanto a curiosidade dos estudantes quanto das instituições de ensino. Com um crescimento do Ensino Superior, e o aumento da diversidade nas Instituições, faz-se necessário compreender as causas percebidas por cada indivíduo sobre a motivação, a fim de aproveitar de maneira eficaz a aprendizagem oferecida pelo ensino superior e futuramente exercer com maestria a profissão escolhida. Por meio de um questionário com abordagem qualitativa, respondido por 83 estudantes, iniciantes e concluintes, da Graduação do Curso de Ciências Contábeis da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, utilizou-se de perguntas abertas e fechadas para compreender o que os respondentes entendem sobre felicidade e da Escala de Motivação Acadêmica (EMA), modelo Likert, para extrair dos alunos os motivos que os causam motivação e desmotivação acadêmica. Os resultados encontrados apontaram para uma maior concordância para os fatores que geram motivação extrínseca (ME), tanto nos alunos iniciantes como concluintes, demonstra ainda, que os alunos iniciantes apresentam uma quantidade maior nos níveis mais altos de satisfação com o curso. Já no que diz respeito à média geral de auto percepção de desempenho, os iniciantes e concluintes não apresentam discrepância relevante, com exceção da subcategoria “menos de 21 anos” que não há amostra para os concluintes. Dessa forma, o estudo, concluiu que para melhoria no processo da aprendizagem e desempenho dos estudantes, se faz relevante a implantação de novas metodologias que se preocupem em compreender as percepções do aluno e assim, em conjunto, realizar um melhor aproveitamento dessa fase de graduação.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/7782
Other Identifiers: 2014045071
Appears in Collections:Ciências Contábeis

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Percepcaodosdiscentes_Souza_2018.pdf746.42 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.