Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/7734
Title: Avaliação da Pegada Hídrica da Alimentação de Um Grupo de Alunos do Setor de Aulas IV da UFRN
Authors: Oliveira, Lídia Lima de
Keywords: Recursos Hídricos. Água Virtual. Carne. Alimentos.;Water Resources. Virtual Water. Meat. Food.
Issue Date: 30-Nov-2018
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: OLIVEIRA, Lídia Lima de. Avaliação da pegada hídrica da alimentação de um grupo de alunos do setor de aulas IV da UFRN. 2018. 26 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Ambiental) - Centro de Tecnologia, Departamento de Engenharia Civil, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: Uma das principais consequências do crescimento populacional sobre o meio ambiente é a escassez hídrica. Por ser a água um bem tão valioso para a vida humana, faz-se cada vez mais necessária a utilização de instrumentos de gestão de recursos hídricos. A água é utilizada em grande escala na produção dos alimentos em todo o mundo, e no Brasil, 70% da demanda hídrica total está concentrada na agricultura. Dessa forma, a Pegada Hídrica (PH), que mede a quantidade de água incorporada em um bem de consumo, através de todo seu processo produtivo (incluindo a parcela que é poluída), deve ser fortemente considerada para tornar o uso dos recursos hídricos mais sustentável. Este estudo realiza uma pesquisa de campo com o intuito de fazer o levantamento da pegada hídrica da alimentação de um grupo de alunos do setor de aulas IV da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Foram aplicados questionários, nos quais foram levados em conta gênero, idade, tipo preferido de carne e frequência de consumo. A média encontrada entre os indivíduos entrevistados foi de 2457,01 l/pessoa.dia, que é superior à média de um indivíduo brasileiro, de 1926 l/pessoa.dia. O curso que apresentou maior PH foi a Engenharia Ambiental, provavelmente devido à alta frequência de consumo de carnes e de alimentos processados. A menor Pegada Hídrica foi de Arquitetura e Urbanismo, que de maneira oposta, apresentou variabilidade de dietas, baixo consumo de carne vermelha e alto consumo de vegetais e frutas. Esses resultados mostram que produtos de origem animal carregam uma grande parcela de apropriação de água doce. A preocupação em reduzir essa demanda não deve ser apenas dos produtores, mas também dos consumidores, de modo a rever seus padrões de consumo.
Abstract: One of the main consequences of population growth on the environment is the water shortage. Because water is such a valuable asset for human life, it is increasingly necessary to use water resources management tools. Water is used on a large scale in food production around the world, and in Brazil, 70% of total demand is concentrated in agriculture. Thus, the Water Footprint (PH), which measures the amount of water incorporated in a consumer good, throughout its production process (including the portion that is polluted), must be strongly considered to make the use of water resources more sustainable. This study conducts a field research in order to survey the water footprint of a group of students from the IV class of the Rio Grande do Norte Federal University. Questionnaires were applied, which took into account gender, age, preferred type of meat and frequency of consumption. The average found among the individuals interviewed was 2457,01 l / person.day, which is higher than the average of a Brazilian individual, 1926 l / person.day. The course that presented the highest PH was Environmental Engineering, probably due to the high frequency of consumption of meats and processed foods. The smallest Water Footprint was of Architecture and Urbanism, which in an opposite way, presented variability of diets, low consumption of red meat and high consumption of vegetables and fruits. These results showed that animal products carry a large portion of freshwater appropriation. The concern to reduce this demand should not only be for producers, but also for consumers, in order to review their consumption patterns.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/7734
Other Identifiers: 20170008493
Appears in Collections:Engenharia Ambiental

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC FINAL LÍDIA LIMA DE OLIVEIRA .pdf1.53 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons