Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/7683
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorBagni, Ursula Viana-
dc.contributor.authorMartins, Yarhima Giannina Pires-
dc.date.accessioned2018-12-10T14:48:44Z-
dc.date.available2018-12-10T14:48:44Z-
dc.date.issued2018-11-27-
dc.identifier2015075502pt_BR
dc.identifier.citationMARTINS, Yarhima Giannina Pires. Alterações na glicemia em jejum em mulheres privadas de liberdade. 2018. 25f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Centro de Ciências da Saúde, Departamento de Nutrição. Natal, RN, 2018.pt_BR
dc.identifier.urihttp://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/7683-
dc.languagept_BRpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio Grande do Nortept_BR
dc.rightsAttribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/*
dc.subjectMulheres privadas de liberdade, diabetes mellitus, glicemia em jejumpt_BR
dc.titleAlterações na glicemia em jejum em mulheres privadas de liberdadept_BR
dc.typebachelorThesispt_BR
dc.contributor.referees1Bagni, Ursula Viana-
dc.contributor.referees2Barbosa, Ana Paula Inocêncio Dias-
dc.description.resumoO ambiente carcerário apresenta condições de estrutura e regras que limitam as escolhas das pessoas privadas de liberdade, como a insalubridade, superlotação, alimentação inadequada e sedentarismo, fatores que podem refletir na saúde dos indivíduos, principalmente em relação as doenças crônicas não-transmissíveis. Com isso, este estudo tem como objetivo analisar a prevalência de diabetes mellitus ou pré-diabetes em presidiárias em regime fechado de um Complexo Penal localizado na cidade de Natal-RN. Trata-se de um estudo transversal de natureza descritiva, realizado com mulheres privadas de liberdade nos anos de 2012 (n=180) e 2015 (n=89). Foi avaliada a glicemia em jejum das detentas, cuja classificação foi realizada de acordo com a diretriz de 2017-2018 da Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD). A análise estatística foi realizada utilizando o software SPSS®, versão 20.0, considerando o valor de p<0,05 para significância estatística, empregando o teste Mann-Whitney para a comparação dos valores da glicemia de jejum e teste Qui-quadrado para comparação da prevalência de alterações na glicemia de jejum. Não houve diferença significativa na prevalência de alterações da glicemia entre os anos de estudo, porém ocorreu um aumento significativo nos valores desse exame entre os anos de 2012 e 2015 (de 66,3g/dL para 81,6 mg/dL, p<0,001), podendo ser reflexo do ambiente que essas mulheres estão inseridas. Esses resultados demonstram a importância do acompanhamento médico e nutricional desse público, visando realizar o monitoramento, prevenção e tratamento de saúde.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentNutriçãopt_BR
dc.publisher.initialsUFRNpt_BR
dc.subject.cnpqCiências da Sáudept_BR
dc.subject.cnpqNutriçãopt_BR
dc.contributor.referees3Borges, Thaís Lima Dias-
Appears in Collections:Nutrição

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Alteraçõesnaglicemiaemjejum_MARTINS_2018Texto Completo678.4 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons