Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/7616
Title: Caracterização das cinzas de incineração de resíduos sólidos de serviços de saúde para inserção em ciclos produtivos e ambientais
Authors: Mendonça, Felipe Lima de
Keywords: Caracterização das cinzas;Ciclos produtivos e ambientais;Cinzas de Resíduos de Serviços de Saúde;Incineração
Issue Date: 26-Oct-2018
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: Mendonça, Felipe Lima de. Caracterização das cinzas de incineração de resíduos sólidos de serviços de saúde para inserção em ciclos produtivos e ambientais. 2018. 26f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Ambiental) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: As problemáticas que envolvem a geração de resíduos e suas destinações ganharam grandes proporções nos últimos tempos. Adequando-se às políticas nacionais de resíduos sólidos e de redução de impactos, empresas públicas e privadas viabilizam destinações ambientalmente adequadas e objetivam a reutilzação de determinados materiais em ciclos produtivos diversos. O presente estudo reflete esses posicionamentos e tem por objetivo principal a caracterização das cinzas de incineração de Resíduos de Serviços de Saúde (RSS) para sua posterior inserção em ramos civis e ambientais. Para tal, foram realizados ensaios de caracterização físico-química que possibilitaram a constatação de parâmetros fundamentais na determinação de possiveis usos, esses obtidos através de análises de Difratometria (DRX) e Espectometria de Fluorescênsia de Raios-X (FRX), por caracterizações físicas como análises de densidade, de distribuição granulométrica e pela determinação do indice de atividade pozolânica. De acordo com o ensaio de DRX as cinzas foram classificadas como material cristalino. O ensaio de FRX apresentou que a composição química das cinzas é semelhante à características químicas padrão de determinados tipos resíduos incinerados, e à outros tipos de cinzas ja estudadas, como por exemplo de carvão mineral e lodo, sendo a presença de metais e índice de perda ao fogo os principais fatores diferenciadores e indicadores dos possíveis materiais incinerados. A caracterização realizada ilustrou a possibilidade de aplicação das cinzas de RSS no setor da construção civil, sendo fonte de matéria para incorporação parcial na produção de concretos e argamassas. Por não apresentar característica pozolanica, a utilização das cinzas também demonstra-se viável na realização de contruções urbanas de menor exigência estrutural e baixo risco exposicional à pessoas. A utilização das cinzas de RSS em substituição parcial da areia, desde que não prejudicial, visto as variadas composições possíveis dessa, é capaz de proporcionar benefícios quanto a redução de gastos com matéria prima, além de contribuir para redução dos impactos negativos gerados com a extração de areia de corpos hídricos. A reutilização das cinzas é capaz também de auxiliar entidades púbico- governamentais na tentativa de gerir destinações finais ambientalmente adequadas de resíduos perigosos. A redução de aporte de grandes volumes em aterros sanitários e industriais, mendiante benefício gerado também pela incineração, prolongaria o tempo de vida útil dos aterros, acarretando em uma economia de tempo e custos com aquisição de novas áreas para suas disposições finais. A presença de compostos ainda utilizáveis revela uma possibilidade de padronizar os resíduos incinerados afim de se obter características físico-químicas das cinzas de RSS de maneira mais semelhante, possibilitando assim condições para extração e circulação econômica desse tipo de resíduo. A evidente necessidade nacional quanto ao gerenciamento e tratamento de resíduos coerentes com às especificidades de cada um, estimula a produção de trabalhos acadêmicos que versem sobre a influência dos resíduos sólidos, no caso estudado os resíduos perigosos de serviços de saúde, na qualidade de vida social, no equilíbrio ambiental e na produção de produtos técnico-sustentáveis.
Abstract: The problems that involve the generation of waste and its destinations have gained great proportions in recent times. In line with national solid waste and impact reduction policies, public and private companies provide environmentally adequate destinations and aim to reuse certain materials in various production cycles. The present study reflects these positions and its main objective is to characterize the incineration ash of Health Services Waste (RSS) for its subsequent insertion in civil and environmental sectors. For this, physical-chemical characterization tests were carried out, which allowed the determination of possible parameters for the determination of possible uses, through X-ray diffraction (XRD) and X-ray Fluorescence Spectrometry (FRX) analyzes, analysis of density, particle size distribution and determination of pozzolanic activity index. According to the XRD test, the ashes were classified as crystalline material. The FRX test showed that the chemical composition of the ash is similar to the standard chemical characteristics of certain incinerated waste types, and to other types of ash already studied, such as coal and sludge; with the presence of metals and loss index the main differentiating factors and indicators of possible incinerated materials. The characterization carried out illustrated the possibility of applying RSS ashes in the construction sector, being a source of material for partial incorporation in the production of concretes and mortars. Due to the lack of pozzolanic characteristics, the use of ashes is also feasible in the realization of urban constructions of lower structural demand and low exposure risk to people. The use of RSS ashes in partial substitution of the sand, if it is not harmful, given the varied possible compositions, can provide benefits in terms of the reduction of expenses with raw material, besides contributing to reduce the negative impacts generated by the extraction of sand of water bodies. The reuse of ashes is also capable of assisting pubic-governmental entities in attempting to manage environmentally appropriate final destinations of hazardous waste. The reduction of large volumes of landfills and industrial landfills, also generated by incineration, would extend the useful life of landfills, saving time and costs with the acquisition of new areas for their final provisions. The presence of compounds still usable reveals a possibility to standardize the incinerated residues in order to obtain physicochemical characteristics of the ashes of RSS in a more similar way, thus enabling conditions for extraction and economic circulation of this type of residue. The evident national need for the management and treatment of waste consistent with the specificities of each one, stimulates the production of academic papers that deal with the influence of solid waste, in the case studied the hazardous waste of health services, in the quality of social life , environmental balance and the production of technical-sustainable products.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/7616
Other Identifiers: 20170108031
Appears in Collections:Engenharia Civil

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC ENG AMB UFRN - FELIPE LIMA.pdf1.07 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons