Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/7517
Title: “O socioeducativo que você fala seriam as oficinas?”: uma análise da dimensão pedagógica do Serviço Social junto à população em situação de rua no município de Natal-RN
Authors: Ferreira, Thaisa Karla de Freitas
Keywords: População em situação de rua;Prática pedagógica;Serviços socioassistenciais;Serviço social
Issue Date: 2016
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: FERREIRA, Thaisa Karla de Freitas. “O socioeducativo que você fala seriam as oficinas?”: uma análise da dimensão pedagógica do Serviço Social junto à população em situação de rua no município de Natal-RN. 2016. 62f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social), Departamento de Serviço Social, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2016.
Portuguese Abstract: O fenômeno população em situação de rua, desde seu surgimento, em meados do século XVIII, compõe a pobreza nas sociedades capitalistas, sua expansão ocorre com a chegada das primeiras cidades e está vinculada aos processos de acumulação do capital, nessa direção, tem momentos de expansão e retração. No Brasil, o Estado só começa a atentar para esse fenômeno, mais efetivamente, a partir da organização da população em situação de rua na luta por direitos, que ocorre a partir do processo de redemocratização do país. No ano de 2009, importantes conquistas são alcançadas: a Política Nacional para a População em Situação de Rua e a Tipificação Nacional dos Serviços Socioassistenciais. Considerando que o assistente social é um dos profissionais que atua junto a essa população e que a linguagem utilizada por ele é um ponto primordial para o desenvolvimento de uma prática pedagógica que possa contribuir para a ampliação das conquistas dos sujeitos, o presente estudo objetivou, de forma geral, analisar a dimensão pedagógica da prática profissional do Assistente Social nos serviços socioassistenciais prestados à População em Situação de Rua no município de Natal/RN. Como objetivos específicos foram delimitados os seguintes: mapear os serviços socioassistenciais ofertados à população em situação de rua no município de Natal-RN; analisar os instrumentais de trabalho utilizados pelo Serviço Social do Abrigo Institucional e do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua; e apreender as particularidades das condições de trabalho dos Assistentes Sociais no Serviço Especializado para Pessoas em Situação de Rua e no Serviço de Acolhimento Institucional para adultos e famílias. Para atingir esses objetivos, foram realizadas uma pesquisa qualitativa e uma revisão de literatura baseada nas referências sobre as temáticas abordadas. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas com 5 (cinco) assistentes sociais que atuam nos serviços socioassistenciais ofertados à população em situação de rua no município de Natal/RN. O coordenador e 2 (duas) assistentes sociais do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua – Centro Pop, e 2 (duas) assistentes sociais do Abrigo Institucional. A partir da análise empreendida ao longo do trabalho, percebe-se que apesar do Serviço Social ter alcançado importantes avanços na construção de uma prática pedagógica emancipatória, compromissada com as lutas das classes subalternas, ainda há, nos tempos atuais, traços de uma pedagogia mais voltada para a ajuda e controle da população usuária.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/7517
Other Identifiers: 2012961754
Appears in Collections:Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
O socioeducativo_Ferreira_2016.pdf760.18 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.