Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/7485
Title: Desafios da pesca artesanal e as condições de vida dos pescadores da Praia de Zumbi – Rio do Fogo/RN
Authors: Silva, Adriele Cruz da
Keywords: Pescadores;Pesca artesanal;Trabalho
Issue Date: 2015
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SILVA, Adriele Cruz da. Desafios da pesca artesanal e as condições de vida dos pescadores da Praia de Zumbi – Rio do Fogo/RN. 2015. 148f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social), Departamento de Serviço Social, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Portuguese Abstract: O presente trabalho monográfico faz uma abordagem sobre perfil socioeconômico na atividade pesqueira artesanal no distrito de Zumbi localizado no município de Rio do Fogo. Destaca-se sua importância como fator econômico e social para a comunidade de Zumbi, onde a pesca ainda é uma das principais opções de renda para diversas famílias que vivem do meio pesqueiro. A pesca artesanal é considerada uma das atividades mais antiga do mundo. O estudo tem como objetivo analisar os aspectos socioeconômicos dos pescadores da Praia de Zumbi e o destino da pesca artesanal. Os procedimentos metodológicos adotados para o desenvolvimento da pesquisa foram de abordagem qualitativa descritiva. A coleta de dados foi realizada por meio de referências bibliográficas, artigos, jornal, relatórios de entidades ligadas à pesca e por meio da aplicação de um questionário composto de 19 questões, abertas, que buscou identificar, em campo, e conhecer a situação do pescador da Praia de Zumbi, ao qual se permitiu a construção de gráficos e tabelas que melhor apresentam a situação socioeconômica dos pescadores. Pela pesquisa, conheceram-se as necessidades e dificuldades enfrentadas pelo pescador artesanal da Praia de Zumbi principalmente quanto ao período de defeso, ponto mais abordado na realização das entrevistas, que a maioria dos pescadores possui baixo grau de escolaridade, e por mais que os jovens na localidade estejam realizando outras atividades fora da pesca, à pesca artesanal continua sendo a principal atividade geradora de trabalho e renda. Mas, por falta de políticas públicas adequadas para poder garantir uma qualidade de vida digna, os pescadores vivem em uma desarmonia socioeconômica e cultural.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/7485
Other Identifiers: 2012960837
Appears in Collections:Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AdrieleCS_Monografia.pdfMonografia em serviço social3.1 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.