Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/7409
Title: Análise dos crimes contra ordem tributária à luz da convenção americana sobre Direitos Humanos
Authors: Duarte, Juliana da Nóbrega Galvão
Keywords: Direito penal tributário;Convenção americana de Direitos Humanos;Prisão civil por dívidas
Issue Date: 2014
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: DUARTE, Juliana da Nóbrega Galvão. Análise dos crimes contra ordem tributária à luz da convenção americana sobre Direitos Humanos. 2014. 59f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito), Departamento de Direito, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2014
Portuguese Abstract: O presente trabalho de conclusão de curso tem por escopo apresentar a incongruência dogmática e a ilegitimidade do Estado em fazer uso do Direito Penal, o qual é norteado pela ultima ratio, que apregoa ser crível seu uso tão somente na tutela dos bens considerados mais salutares pela sociedade somado ao exaurimento de outras formas eficazes de proteção, como meio de coação para a arrecadação de tributos. Discutir-se-á o novo arranjo aferido aos crimes tributários com a edição da Lei nº 10.684/03 e a previsão do instituto da extinção da punibilidade pelo pagamento do quantum debeatur, como braço da concepção patrimonialista do bem jurídico tutelado pelos crimes tributários. Por fim, demonstrar-se-á a evidente colisão entre o uso de pena privativa de liberdade nos crimes contra a ordem tributária e o aparelhado na Convenção Americana de Direitos Humanos, a partir da visão de que as prisões penais tributárias tentam adjudicar ilusória legalidade a uma verdadeira prisão por dívidas.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/7409
Other Identifiers: 2009017617
Appears in Collections:Direito

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
JulianaNGD_Monografia.pdf918.66 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.