Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/6860
Title: Análise da condição de Insegurança Alimentar e Nutricional sobre o Estado Antropométrico e o Consumo Alimentar de escolares do município de Santa Cruz-RN.
Other Titles: Analisy of food and nutritional insecurity on the anthropometric status and food consumption of schoolchildren from the municipality of Santa Cruz / RN
Authors: Moura, Laedja Driely Silva de
Keywords: Serviços de Saúde Escolar;Segurança Alimentar e Nutricional;Estado Nutricional;Consumo Alimentar
Issue Date: 13-Jun-2018
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: MOURA, Laedja Driely Silva de. Análise da condição de Insegurança Alimentar e Nutricional sobre o Estado Antropométrico e o Consumo Alimentar de escolares do município de Santa Cruz-RN. 2018. 55f. TCC (Graduação em Nutrição) - Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Santa Cruz, RN, 2018.
Portuguese Abstract: Objetivo: Verificar a relação da condição de insegurança alimentar e nutricional associa-se ao estado antropométrico e consumo alimentar dos escolares. Metodologia: Trata-se de um estudo transversal desenvolvido com alunos do 1º ao 5º ano do ensino fundamental I, realizado na cidade de Santa Cruz, Rio Grande do Norte. Foram coletados dados sobre a Escala Brasileira de Insegurança Alimentar como também, estado antropométrico e consumo alimentar dos escolares; classificados conforme os protocolos Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional. Resultados: A amostra foi composta de 342 escolares. A condição de IA, esteve em 50,7% dos lares subdivididas em IA leve (32,5%), IA moderada (9,1%) e IA grave (9,1%); e à SA (49,3%). Houve maior consumo de feijão e frutas; 50% dos escolares consumiam leite e derivados todos os dias; um consumo habitual de embutidos, refrigerante, doces e biscoitos/bolachas recheadas e reduzida ingestão de vegetais cozidos e saladas cruas. No que se refere ao estado antropométrico constatou-se que 69,3% dos indivíduos apresentaram eutrofia, seguido de sobrepeso (17,5%), obesidade (8,8%) e baixo peso (4,1%). Não foram observados associação entre IA e o consumo alimentar e estado antropométrico. Porém, mesmo apresentando valores adequado do estado nutricional, deve-se considerar a presença de baixo peso e obesidade encontrados, pois são condições que podem estar relacionadas ao consumo alimentar inadequado. Conclusão: Destacamos a importância de reforçar, ações educativas que visem incentivar o consumo de saladas, frutas e verduras nas escolas, na promoção de uma alimentação saudável favorecendo que os indivíduos atinjam o seu potencial desenvolvimento.
Abstract: Objective: Checking the relationship of the food and nutritional insecurity condition is associated to the anthropometric status and food consumption of the students Methodology: This is a cross-sectional study carried out with students from 1st to 5th year of elementary school I, held in the city of Santa Cruz, Rio Grande do Norte. Data were collected on the Brazilian Scale of Food Insecurity as well as anthropometric status and food consumption of schoolchildren; classified according to the protocols Food and Nutrition Surveillance System. Results: The sample consisted of 342 students. The IA condition was found in 50.7% of the households subdivided into mild AI (32.5%), moderate AI (9.1%) and severe AI (9.1%); and SA (49.3%). There was higher consumption of beans and fruits; 50% of schoolchildren consumed milk and dairy products every day; a regular consumption of sausages, soda, candy and biscuits / crackers and reduced intake of cooked vegetables and raw salads. Regarding the anthropometric status, 69.3% of the individuals presented eutrophy, followed by overweight (17.5%), obesity (8.8%) and low weight (4.1%). There was no association between AI and food consumption and anthropometric status. However, even presenting adequate values of nutritional status, the presence of low weight and obesity should be considered, since they are conditions that may be related to inadequate food intake. Conclusion: We emphasize the importance of reinforcing educational actions aimed at encouraging the consumption of salads, fruits and vegetables in schools, in promoting a healthy diet favoring that individuals reach their potential development.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/6860
Other Identifiers: 2014058605
metadata.dc.description.embargo: 2020-07-10
metadata.dc.description.other: Estou aguardando a resposta de uma revista para a publicação do artigo.
Appears in Collections:FACISA - Nutrição

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AnálisedaCondiçaodeInsegurançaAlimentar_Moura_2018.pdf
Restricted Access Until 2020-07-09
Artigo principal 981.82 kBAdobe PDFView/Open    Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.