Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/6853
Title: Estudo da estabilidade oxidativa de blendas diesel/biodiesel para uso automotivo
Authors: Almeida, Josué Santiago de
Keywords: Blendas diesel/biodiesel; Estabilidade oxidativa; Período de indução.
Issue Date: 3-Jul-2018
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: Almeida, Josué Santiago de. Estudo da estabilidade oxidativa de blendas diesel/biodiesel para uso automotivo. 2018. 39f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica - Bacharelado) - Departamento de Engenharia Mecânica, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: Diante da crescente busca em reduzir a emissão de gases poluentes na atmosfera devido ao uso de combustíveis fósseis, buscou-se substituir, integral ou parcialmente, o seu uso por combustíveis oriundos de fontes de energias renováveis, tais como o etanol e o biodiesel. Como exemplos para substituições parciais, temos na gasolina automotiva um percentual de 27% em volume de etanol anidro em sua composição, e para o óleo diesel rodoviário temos a adição do biodiesel, que atualmente está em 10% em volume. Como exemplo para a substituição integral, temos a utilização do etanol hidratado combustível em veículos que operam com motores de ciclo Otto. Visando contribuir com o estudo do aumento percentual da adição do biodiesel em óleo diesel, estudou-se a estabilidade oxidativa para misturas de 5%, 10%, 20% e 30% em volume de biodiesel em óleo diesel mineral. Todas as blendas foram submetidas a análise de estabilidade oxidativa no equipamento Rancimat, modelo 843 do fabricante Metrohm, segundo norma EN 15751, e a análise de calorimetria exploratória diferencial sob pressão (P-DSC), em equipamento modelo DSC 204 HP do fabricante Netzsch, segundo norma ASTM E2009. Através dos resultados obtidos pode-se notar que com o aumento da adição de biodiesel reduz-se a estabilidade oxidativa da mistura de forma gradativa. A oxidação do biodiesel presente no óleo diesel pode levar ao entupimento prematuro dos filtros de combustível através do aumento da viscosidade devido a formação de compostos insolúveis, bem como potenciais impactos de durabilidade nos componentes do sistema de injeção do motor. Com isto faz-se necessário este estudo nas misturas diesel/biodiesel para que se verifique o período de indução destes produtos a fim de que seu uso seja efetuado antes do início do processo oxidativo.
Abstract: In the face of a growing quest to reduce the emission of polluting gases in the atmosphere due to the use of fossil fuels, it was sought to replace its use with fuels from renewable energy sources, such as ethanol and biodiesel, in whole or in part. As examples for partial substitutions, we have in automotive gasoline a percentage of 27% by volume of anhydrous ethanol in its composition, and for diesel road we have the addition of biodiesel, which is now 10% by volume. As an example for full replacement, we have the use of hydrated ethanol fuel in vehicles that operate with Otto cycle engines. In order to contribute to the study of the percentage increase of biodiesel in diesel oil, oxidative stability was studied for mixtures of 5%, 10%, 20% and 30% by volume of biodiesel in mineral diesel oil. All blends were subjected to oxidative stability analysis in the Rancimat equipment, model 843 from the Metrohm manufacturer, according to EN 15751, and the differential scanning calorimetry analysis under pressure (P-DSC) on model DSC 204 HP equipment from the manufacturer Netzsch, according to ASTM E2009. Through the results obtained it can be noticed that with the increase of the addition of biodiesel the oxidative stability of the diesel oil is reduced gradually. Oxidation of biodiesel present in diesel fuel can lead to premature fuel filter clogging by increasing viscosity due to the formation of insoluble compounds as well as potential durability impacts on components of the engine injection system. With this, it is necessary to study the diesel / biodiesel mixtures in order to verify the induction time of these products so that their use can be carried out before the beginning of the oxidative process.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/6853
Other Identifiers: 20150146456
Appears in Collections:Engenharia Mecânica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
EstudodaEstabilidadeOxidativa_2018_Almeida.pdfMonografia1,79 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.