Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/6775
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorCosta, Carina Maia Lins-
dc.contributor.authorSilva, Breno Otávio Ferreira da-
dc.date.accessioned2018-07-05T19:21:04Z-
dc.date.available2018-07-05T19:21:04Z-
dc.date.issued2018-
dc.identifier2013081538pr_BR
dc.identifier.citationSILVA, Breno Otávio Ferreira da. Degradação de geotêxteis em área de dunas. 2018. 19 f. Artigo científico - Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Curso de Engenharia Civil, Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.pr_BR
dc.identifier.urihttp://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/6775-
dc.languagept_BRpr_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio Grande do Nortepr_BR
dc.rightsopenAccesspr_BR
dc.rights.uriAn error occurred getting the license - uri.*
dc.rights.uriAn error occurred getting the license - uri.*
dc.subjectGeotêxtil tecidopr_BR
dc.subjectDegradaçãopr_BR
dc.subjectExposição ao ar livrepr_BR
dc.subjectÁrea de dunaspr_BR
dc.titleDegradação de geotêxteis em área de dunaspr_BR
dc.typebachelorThesispr_BR
dc.contributor.advisor-co1José Neres da Silva Filhopr_BR
dc.contributor.referees1Costa, Carina Maia Lins-
dc.contributor.referees2Costa, Yuri Daniel Jatobá-
dc.description.resumoOs geossintéticos estão submetidos em obras de engenharia a diferentes agentes de degradação que podem afetar a sua vida útil. A exposição aos agentes climáticos, em especial à radiação UV, é uma das principais causas de degradação desse material. Assim, é importante compreender o comportamento de suas propriedades frente a esses agentes. Este estudo, portanto, apresenta a análise da degradação de um geotêxtil tecido de polipropileno após exposição ao ar livre em uma área de dunas da cidade de Natal/RN. Para efeito de comparação, o material foi também exposto em outro local da cidade, sem a presença de dunas. Esses ensaios de exposição foram adaptados da ASTM D5970, da ISO 877-1 e da ISO 877-2. Durante o período de exposição, dados climáticos locais foram obtidos através da estação meteorológica do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) localizada na UFRN. Medições de temperatura superficial das amostras foram ainda realizadas por meio de um termômetro infravermelho. Para avaliar os efeitos da degradação, as amostras de geotêxtil foram removidas das áreas de exposição em tempos pré-definidos e submetidas a ensaios de tração faixa-estreita, conforme ASTM D5035. Amostras virgens, ou seja, não expostas, foram também sujeitas a esses ensaios. A análise dos resultados compreendeu em confrontar os valores obtidos das amostras virgens e das amostras expostas, considerando o local e o tempo de exposição. Os resultados encontrados mostram a degradação do geotêxtil tecido de polipropileno ao longo do período de exposição para as duas áreas utilizadas. Nesse sentido, esse trabalho apresenta relevância no estudo da durabilidade desse material, principalmente no contexto de sua aplicação em controle de processos erosivos em área de dunas.pr_BR
dc.publisher.countryBrasilpr_BR
dc.publisher.departmentEngenharia Civilpr_BR
dc.publisher.initialsUFRNpr_BR
dc.contributor.referees3Araújo, Duílio Assunção Marçal de-
Appears in Collections:Engenharia Civil

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Degradaçãodegeotêxteis_Silva_2018.pdfArtigo Científico1.07 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons