Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/6727
Title: Avaliação do potencial de liberação de fósforo a partir do sedimento de um reservatório da região semiárida: estudo em escala experimental
Authors: Silva, André Luiz Bezerra
Keywords: Eutrofização; Fertilização interna; Reservatórios tropicais.
Issue Date: Jun-2018
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SILVA, André Luiz Bezerra da. Avaliação do potencial de liberação de fósforo a partir do sedimento de um reservatório da região semiárida: estudo em escala experimental. 2018. 22 f. TCC (Graduação) - Curso de Engenharia Ambiental, Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: Intervenções antropogênicas aceleram a eutrofização em ecossistemas aquáticos continentais, através do aumento da emissão de fontes externas de nutrientes. Mesmo com adoção de medidas sejam tomadas ao longo dos anos para reduzir o carregamento externo a fim de controlar ou reduzir o processo de eutrofização, a recuperação é tardia. Visto que, existem vários outros mecanismos que podem ser responsáveis pela liberação de fósforo (P) a exemplo do sedimento do próprio sistema. Sendo assim, o objetivo deste trabalho foi avaliar o do oxigênio sobre a taxa de liberação de P do sedimento de um reservatório do semiárido tropical, através de experimentos em laboratório, onde foi avaliada a liberação de P do sedimento para a coluna d’água na presença e ausência de oxigênio. Este estudo demonstrou que as concentrações de oxigênio na interface sedimento-água dos reservatórios influenciam diretamente o fluxo de liberação de P, visto que em condições de anoxia os fluxos de liberação foram significativamente mais altos do que nas condições de oxia. No total, as taxas de liberação de P foram significativas para ambos os tratamentos, este fato pode ser fundamentado em consequência de que as formas de P no sedimento também influenciam no potencial da mobilidade de P do sedimento para a coluna d’água. Dessa forma, nosso estudo demonstrou que o sedimento do reservatório de Cruzeta tem grandes potenciais de liberar fósforo para a água do reservatório, contribuindo assim para a manutenção do estado trófico.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/6727
Other Identifiers: 20170008386
Appears in Collections:Engenharia Ambiental

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AvaliacaodoPotencialLiberacao_SILVA_2018.pdf1.26 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons