Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/6688
Title: Trabalhando com fluxogramas para DST na atenção básica: enfoque na atuação de enfermeiros.
Authors: Vale, Isabelle Mendes
Keywords: atenção básica. saúde. dst
Issue Date: May-2017
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: VALE, Isabelle Mendes; NETO, Renato Motta (Orient.). Trabalhando com fluxogramas para DST na atenção básica: enfoque na atuação de enfermeiros. 2017. 27 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Especialização em Gestão da Política de DST, AIDS, Hepatites Virais e Tuberculose – Educação a Distância) – Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.
Portuguese Abstract: A atenção básica compreende um conjunto de ações desenvolvidas por diversos membros desse cenário com o objetivo maior em promover a saúde e prevenir doenças e seus agravos, essas ações podem ser realizadas de maneira individual ou coletiva e representam uma vertente para que se possa alcançar uma assistência à saúde eficaz e de qualidade. Dentro da atenção básica, as doenças sexualmente transmissíveis (DST) representam um grande problema de saúde, pois são responsáveis por um elevado número de mortes em todo o mundo e como se não bastasse, o seu manejo envolve uma problemática que acaba dificultando a resolução e o andamento dos casos.Tendo em vista a importância do papel dos profissionais de saúde dentro da ESF, que é uma área propícia à realização da promoção em saúde, torna-se útil saber como está sendo a autuação dos mesmos frente a esse grave problema de saúde pública e mediante isso, traçar estratégias a fim de garantir a melhora dos serviços ofertados aos usuários, bem como proporcionar ao profissional uma melhor conduta e consequentemente um trabalho mais eficaz. O trabalho tem como objetivo geral: Analisar como é realizada a abordagem às DST; E objetivos específicos: proporcionar uma melhor tomada de decisão com respectiva ação, conforme cada DST específica, melhorar a assistência oferecida aos usuários de DST e verificar o entendimento que os enfermeiros têm a respeito da temática. Trata-se de um estudo exploratório e descritivo com uma abordagem qualitativa sobre a utilização de fluxogramas para DST por enfermeiros da atenção básica realizado no Município de Nazarezinho através de um questionário semiestruturado com a finalidade de atingir os objetivos propostos anteriormente.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/6688
Other Identifiers: 20162018397
Appears in Collections:Especialização sobre Gestão das Políticas de DST/Aids, Hepatites Virais e Tuberculose

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TrabalhandoFluxogramaDST_Vale_2017.pdf803.14 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons