Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/6680
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSilva, Carla Glenda Souza da-
dc.contributor.authorKanashiro, Emília Michiko Tomimatsu-
dc.date.accessioned2018-06-22T04:36:31Z-
dc.date.available2018-06-22T04:36:31Z-
dc.date.issued2017-05-
dc.identifier201682380pr_BR
dc.identifier.citationKANASHIRO, Emília Michiko Tomimatsu; SILVA, Carla Glenda Souza da (Orient.). Organizando a Rede de Atenção à Saúde: realização de aconselhamento e teste rápido para HIV/Hepatites Virais e sífilis na Atenção Básica do município de Alta Floresta/MT. 2017. 21 f. Projeto de Intervenção. (Especialização em Gestão em HIV/Aids/Hepatites Virais e Tuberculose – Educação a Distância) – Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.pr_BR
dc.identifier.urihttp://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/6680-
dc.description.sponsorshipMinistério da Saúdepr_BR
dc.languagept_BRpr_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio Grande do Nortepr_BR
dc.rightsopenAccesspr_BR
dc.subjectEducação continuada, Prevenção, Diagnóstico.pr_BR
dc.titleOrganizando a Rede de Atenção à Saúde: realização de aconselhamento e teste rápido para HIV/Hepatites Virais e sífilis na Atenção Básica do município de Alta Floresta/MT.pr_BR
dc.typepostGraduateThesispr_BR
dc.description.resumoAs infecções sexualmente transmissíveis estão entre os problemas de saúde pública mais comuns em todo o mundo, sendo consideradas o principal fator facilitador da transmissão sexual do Vírus da Imunodeficiência Humana. Segundo o Ministério da Saúde, a estratégia de enfrentamento desses agravos seria a descentralização das ações, inclusive os locais de realização do teste rápido. Após o diagnóstico situacional realizado, através das reuniões com os profissionais das Unidades Básicas de Saúde do município de Alta Floresta/MT, verificou-se a necessidade de cursos periódicos de capacitação em Infecções Sexualmente Transmissíveis/Vírus da Imunodeficiência Humana/Síndrome da Imunodeficiência Adquirida e hepatites virais, bem como de conscientizar sobre a importância de diagnóstico precoce e da notificação, e assim, contribuir para a melhoria da saúde pública do município de Alta Floresta. Surgiu, então, a proposta de descentralização do acesso ao diagnóstico para todas as unidades da Atenção Básica à Saúde através da oferta de teste rápido para essas doenças e aconselhamento nas unidades básicas de saúde. A prática de realização do teste rápido já acontece em algumas unidades, mas percebemos que em outras há a necessidade de treinamento dos profissionais e organização do serviço para o acolhimento, aconselhamento, execução do teste, diagnóstico, tratamento e encaminhamentos. Foram identificadas as unidades de saúde com as equipes incompletas devido a rotatividades dos profissionais, como também se percebeu a grande dificuldade quando se trata de aconselhamento, principalmente na entrega dos resultados e o conhecimento superficial da clínica dos agravos. Com a educação continuada e a capacitação de novos profissionais da Atenção Básica à Saúde, o objetivo é que a testagem e aconselhamento sejam estendidos para toda a rede pública do município. A capacitação sobre o aconselhamento e teste rápido foram programadas para o mês de maio de 2017, com treinamento de todos os profissionais enfermeiros da Atenção Básica, incluindo o Núcleo de Apoio à Saúde da Família e hospital regional. A partir desse treinamento, as unidades deverão ofertar o teste rápido, permitindo o possível diagnóstico precoce às gestantes e também àqueles que procurarem o serviço de saúde. O objetivo é agilizar o diagnóstico dessas enfermidades no município de Alta Floresta. Com a implantação e a implementação do teste rápido em todas as unidades básicas de saúde no município de Alta Floresta, espera-se diminuir a taxa de transmissão vertical do Vírus da Imunodeficiência Humana, da sífilis congênita e a incidência de outros agravos. A descentralização será acompanhada pela equipe do Centro de Testagem e da coordenação das IST/Aids/hepatites virais através de visitas nas UBS, dos casos notificados no SINAN e do relatório gerencial.pr_BR
dc.publisher.countryBrasilpr_BR
dc.publisher.departmentCurso de Especialização sobre Gestão das Políticas de DST, AIDS, Hepatites Virais e Tuberculosepr_BR
dc.publisher.initialsUFRNpr_BR
Appears in Collections:Especialização sobre Gestão das Políticas de DST/Aids, Hepatites Virais e Tuberculose

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ok TCC UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE.docxORGANIZANDO A REDE DE ATENÇÃO À SAÚDE185,06 kBMicrosoft Word XMLView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.