Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/6552
Title: Sífilis congênita: estratégias de melhorias para a redução da taxa de transmissão vertical.
Authors: Laus, Muriel Campos
Keywords: Transmissão vertical de doença infecciosa, Sífilis Congênita e Vigilância Epidemiológica.
Issue Date: 1-Apr-2017
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: LAUS, Muriel Campos; SOUZA, Dyego Leandro Bezerra de (Orient.). Sífilis congênita: estratégias de melhorias para a redução da taxa de transmissão vertical. 2017. 14 f. Projeto de Intervenção. (Especialização em Gestão em HIV/Aids/Hepatites Virais e Tuberculose – Educação a Distância) – Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.
Portuguese Abstract: Estima-se que pelo menos meio milhão de crianças nasçam com a forma congênita da sífilis, e, ainda, que a sífilis materna cause outro meio milhão de natimortos e abortos, caracterizando um grave problema mundial de saúde pública. Para reforçar o controle e a eliminação da sífilis congênita durante a gestação, essa morbidade passou a ser um indicador de avaliação da atenção básica em saúde nos municípios participantes do Sistema Único de Saúde (SUS). A ocorrência da sífilis congênita evidencia falhas dos serviços de saúde e na assistência ao pré-natal, pois o diagnóstico precoce e o tratamento da gestante são medidas simples e eficazes na prevenção dessa doença. O presente estudo tem como objetivo identificar as fragilidades na assistência às gestantes com sífilis e propor estratégias de melhorias para redução da taxa de transmissão vertical. Serão quantificadas as notificações de sífilis em gestantes e de sífilis congênita contidas no banco de dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN) no município de Itajaí-SC de 2007 a 2014. Os dados serão levantados e avaliados com o intuito de quantificar a taxa de sífilis congênita e quais as possíveis causas da transmissão vertical, podendo auxiliar o município em estratégias para a redução dessas taxas. Com o Plano de Melhoria apresentado neste projeto, objetiva-se reduzir a taxa de transmissão vertical da sífilis e estabelecer prioridades, visando à qualificação da atenção à saúde, prevenção, assistência, tratamento e vigilância da sífilis.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/6552
Other Identifiers: 05601850909
Appears in Collections:Especialização sobre Gestão das Políticas de DST/Aids, Hepatites Virais e Tuberculose

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC MURIEL ATUAL ULTIMO.odtTrabalho de conclusão de curso94.03 kBOpenDocument TextView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.