Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/6501
Title: "Direito de morte e poder sobre a vida": uma narrativa sobre o atendimento ao aborto na Maternidade Escola Januário Cicco Natal/ RN
Authors: Galvão, Fabiana Damasceno
Keywords: Aborto – Aspectos Sociais. Maternidade Escola Januário Cicco. Feminismos.;Abortion - Social aspects. Januário Cicco Maternity School. Feminism.
Issue Date: 16-Dec-2010
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: Galvão, Fabiana Damasceno. “Direito de morte e poder sobre a vida”: uma narrativa sobre o atendimento ao aborto na Maternidade Escola Januário Cicco Natal/RN. 2010. 73 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) – Departamento de Ciências Sociais, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, 2010.
Portuguese Abstract: Explora a interrupção da gestação na Maternidade Escola Januário Cicco. Explana o que representa a interrupção da gestação para algumas sociedades desde a antiguidade até os dias atuais. Constrói, ainda, uma investigação sobre o aborto no campo do feminismo, das ciências médicas e no campo religioso. É feita uma abordagem sobre o Aborto na tentativa de aliar literatura feminista, teoria sociológica e direitos humanos explorando o exercício dos profissionais da área médica a partir de suas falas conflitantes entre o que diz a norma e o que realizam na prática cotidiana. Para tanto, utiliza-se de entrevistas estruturadas, pesquisa de bibliografia sobre o tema e observação participante para a construção de um diário de campo, na perspectiva de fazer uma fotografia do espaço destinado ao serviço do aborto em Natal. A pesquisa revela que no ano de 2010 foram realizados mensalmente em torno de 400 procedimentos relacionados ao aborto/pós-aborto nas maternidades de Natal, dos quais cerca de 250 ocorrem na Maternidade Escola Januário Cicco; 100 na maternidade do Hospital Santa Catarina e 50 na Maternidade Leide Moraes.
Abstract: It explores the interruption of pregnancy in Maternity Hospital Januário Cicco. It explains what represents the interption of pregnancy for some societies from antiquity to the present day. It also builds a research on abortion in the field of feminism, medical sciences and religious. An approach on abortion is done in an attempt to combine feminist literature, sociological theory and human rights by exploring the exercise of medical professionals from their conflicting statements between what are the rules and who perform it in daily practice. For this purpose, we use structured interviews, research literature about the subject and participant observation to the construction of a diary, from the perspective of making a photography of the space devoted to the service of abortion in Natal. The research reveals that are performed monthly around 400 procedures related to abortion / postabortion care in hospitals in Natal, of which about 250 occur in Januário Cicco Maternity School, 100 at the Hospital Santa Catarina and 50 in the Maternity Leide Moraes.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/6501
Other Identifiers: 200505143
Appears in Collections:Ciências Sociais (licenciatura)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Direitodemorteepodersobreavida_Galvão_2010Monografia5.71 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.