Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/6439
Title: Investigação de vales soterrados na plataforma continental do RN utilizando sísmica de alta resolução (Sistema boomer)
Authors: Santos, Ítalo Dantas
Keywords: processamento sísmico;sísmica rasa;vale-inciso;sismo estratigrafia
Issue Date: 25-May-2018
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SANTOS, Ítalo Dantas dos. Investigação de vales soterrados na plataforma continental do RN utilizando sísmica de alta resolução (sistema boomer). 2018. 84 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geofísica), Departamento de Geofísica, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: O processamento sísmico vem sendo aplicado a dados de sísmica de alta resolução para aperfeiçoamento de estudos de estratigrafia no Quaternário, especialmente em ambientes de plataforma continental. No presente trabalho foi aplicado um fluxo de processamento em um dado de sísmica de alta resolução com o objetivo de facilitar a identificação de vales incisos e interpretação de seus padrões de preenchimento. O dado sísmico foi coletado utilizando uma fonte sísmica do tipo Boomer operando a 300J na plataforma continental da Bacia Potiguar, próximo ao município de Macau-RN, Brasil. Os vales vistos nas vistos nas seções são morfologicamente assimétricos e completamente preenchidos. Foram identificados dois vales incisos: um cuja profundidade de incisão máxima atinge 56 metros enquanto que a largura média é de aproximadamente 360 metros e espessura do preenchimento em torno de 26,5 metros; e o segundo vale com profundidade máxima de incisão alcançando 76 metros, largura média de aproximadamente 1543 metros e espessura de preenchimento em torno de 41 metros. No Primeiro vale, a parede sul apresenta declividade de 63º enquanto que na parede norte a declividade é de 59º. Já no segundo vale, a declividade na parede sul é de 45º e na parede norte de 28º aproximadamente. A interpretação sismoestratigrágica permitiu a identificação de superfícies chaves, como a superfície de incisão do paleovale, bem como os principais horizontes e unidades que compõe a sucessão sedimentar que preenche o vale. Tanto no primeiro vale quanto no segundo foram identificados horizontes limitados internamente ao vale, sendo um deles o limite de sequência erosional dos vales. Após comparar as profundidades de incisão máxima dos vales estudados nesse trabalho com as profundidades de incisão dos vales do Açu e Apodi-Mossoró, percebeu-se que a profundidade do segundo vale apresentado aqui atingiu um alcance de 21 metros a mais que os vales Açu e Apodi-Mossoró. Visto isso, foi sugerido que as incisões dos vales aqui estudados foram desencadeadas durante uma regressão anterior aquela ocorrida no Pleistoceno, considerando que a incisão que deu origem aos vales apresentados nesse trabalho teve maior alcance em profundidade quando comparada as incisões do vale Açu e Apodi-Mossoró, cujas incisões estão ligadas à regressão do Pleistoceno.
Abstract: The high-resolution seismic data processing has been studied, as well as being applied very often in geophysical-geological studies aiming the imaging of Quaternary sedimentary features, as well as of the continental shelf. In the present work, a processing flow was applied in a high-resolution seismic data with the objective of facilitating the identification of incised valleys and interpretation of their filling patterns. Seismic data were collected using a Boomer-type seismic source operating at 300J on the continental shelf of the Potiguar Basin near the municipality of Macau-RN, Brazil. The valleys seen in the sections are morphologically asymmetrical and completely filled. Two incised valleys were identified: one whose maximum incision depth reaches 56 meters while the average width is approximately 360 meters and the filling thickness is around 26.5 meters; and the second valley with maximum depth of incision reaching 76 meters, average width of approximately 1543 meters and filling thickness around 41 meters. In the first valley, the south wall presents slope of 63º while in the north wall the slope is of 59º. In the second valley, the slope in the south wall is 45º and in the north wall of 28º approximately. The sismostratigraphic interpretation allowed the identification of key surfaces, such as the paleovale incision surface, as well as the main horizons and units that comprehend the sedimentary succession that fills the valley. In both the first valley and the second, limited horizons were identified internally in the valley, one of them being the limit of the erosional sequence of the valleys. After comparing the depths of maximum incision of the valleys studied in this study with the incision depths of the Açu and Apodi-Mossoró valleys, it was noticed that the depth of the second valley presented here reached a range of 21 meters more than the Açu and Apodi-Mossoró. In view of this, it was suggested that the incisions of the valleys studied here were triggered during an earlier regression that occurred in the Pleistocene, considering that the incision that gave origin to the valleys presented in this work had a greater depth reach when compared to the incisions of the Açu and Apodi- Mossoró, whose incisions are linked to the Pleistocene regression.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/6439
Other Identifiers: 2013053758
Appears in Collections:Geofísica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ValesSoterrados_Santos_2018.pdfMonografia6.51 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons