Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/6303
Título: Estágio supervisionado na ead nos anos iniciais do ensino fundamental
Título(s) alternativo(s): Portuguesa
Autor(es): Santos, Elinaldo Souza
Palavras-chave: Educação;Pedagogia a Distância;Estágio Supervisionado
Data do documento: 28-Jun-2016
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Referência: SANTOS, Elinaldo Souza. O estágio supervisionado na ead nos anos iniciais do ensino fundamental: reflexões-descritivas de um relato de experiência. 2016. 33 f. TCC (Graduação) - Curso de Pedagogia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Parnamirim/RN, 2016.
Resumo: Este trabalho relata de forma clara questões relevantes com relação às vivências de um aluno estagiário durante o Estágio Supervisionado na EaD, acredita-se que o mesmo contribuir muito para a formação de futuros professores, na medida em que cenários, saberes, conceitos e metodologias utilizadas na prática de sala de aula estão em cena, considerando a importância da universidade que proporciona a formação articulada as escolas que oferecem o espaço para que isto aconteça. Na fase empírica da pesquisa foram realizadas com professores-alunos do curso de Pedagogia a Distância através da aplicação de um questionário contendo questões objetivas buscando gerar opiniões e sugestões no que se refere a essa etapa da formação acadêmica de cada aluno entrevistado. Este relato de experiência do curso de Pedagogia a Distancia tem como objetivo principal procurar estabelecer uma visão mais completa deste componente, abrangendo um entendimento de maior grau do tema, no sentido de se comprovar a sua real necessidade como componente curricular importante para a aprendizagem do aluno a partir de vivências no espaço educacional. As reflexões apresentadas neste artigo procuram demonstrar os desafios e possibilidades da prática do estágio curricular na EaD.Esta pesquisa foi realizada através de uma coleta de dados, do tipo bibliográfico e de campo, apresentando como principais teóricos: Andrade (2008), Gomes (2009); Barreiros (2006); Freire (2006), Januário (2008) entre outros a mesma foi feita a partir de uma abordagem qualitativa.
Abstract: This paper reports clearly relevant issues regarding the experiences of a trainee student during the Supervised Internship in distance education, it is believed that it greatly contribute to the training of future teachers, in that scenario, knowledge, concepts and methodologies in practice classroom are on the scene, considering the importance of the university that provides coordinated training schools that offer the space for this to happen. In the empirical phase of the research were performed with Pedagogy course of the students teachers to distance through the application of a questionnaire containing objective questions seeking to generate opinions and suggestions with regard to this stage of academic training of each student interviewed. This experience report of the Faculty of Education Distance, aims to seek to establish a more complete view of this component, covering a major theme of the degree understanding, in order to prove their real necessity as important curricular component for learning student from experiences in the educational space. The reflections presented in this article seeks to demonstrate the challenges and opportunities of internship practice in distance education. This research was conducted through data collection, the bibliographical and field, with main theoretical: Andrade (2008), Gomes (2009); Barreiros (2006); Freire (2006), Gennaro (2008) among others the same was made from a qualitative approach.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/6303
Outros identificadores: 2012050869
Aparece nas coleções:Pedagogia (A distância)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
OEstágioSupervisionadoEAD_Monografia_2016.pdf732.88 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.