Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/6034
Título: A problemática ambiental decorrente da produção têxtil em São Bento-PB no período de 2010 a 2017
Autor(es): Freitas, Francisca Uberlândia Silva Gomes
Palavras-chave: São Bento-PB;Textile Sector;Setor Têxtil;Environmental Impacts;Impactos Ambientais
Data do documento: 2017
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Referência: FREITAS, Francisca Uberlândia Silva Gomes. A problemática ambiental decorrente da produção têxtil em São Bento-PB no período de 2010 a 2017.Monografia (Graduação), 56f.: il.. Curso de Geografia (Bacharelado).- Caicó, RN: UFRN, 2017.
Resumo: O município de São Bento/PB tem sua econômica local voltada para a indústria e comercialização de produtos têxteis, se destacando no cenário nacional e aos poucos vem se inserindo no cenário internacional. Esse crescimento e desenvolvimento econômico resultado da produção, ocasiona impactos ambientais. Diante disso, o presente trabalho tem por objetivo analisar as implicações dos problemas ambientais decorrentes da produção do setor têxtil no município de São Bento no período de 2010 a 2017. Metodologicamente, utilizaram-se procedimentos que correspondem à pesquisa bibliográfica, tendo como consulta as discussões feitas por Alves (2010), Araújo (2011), Carneiro (2001) (2005), Santos (1998), Souza (2010), a realização de pesquisa de campo, através de visitas as fábricas e estabelecimentos do setor têxtil, além da utilização de registro fotográfico que mostram os impactos ambientais resultantes dos dejetos industriais. Com a realização da pesquisa podemos constatar, que a produção têxtil, mesmo diante da inovação das suas técnicas produtivas, ainda gera impactos ambientais, como a degradação do ecossistema local em decorrência do lançamento de grande parte dos efluentes e resíduos industriais produzidos, dejetos decorrentes da produção que são por vezes lançados sem nenhum tipo de tratamento no Rio Piranhas/Açu.
Abstract: The municipality of São Bento/PB, has its local economy focused on the industry and commercialization of textile products, standing out in the national scenario and gradually entering the international scenario. This economic growth and development resulting from production, causes environmental impacts. Therefore, the present work has the objective of analyzing the implications of the environmental problems arising from the production of the textile sector in the municipality of São Bento from 2010 to 2017. Methodologically, procedures were used that correspond to the bibliographical research, having as consultation the discussions made by Alves (2010), Araújo (2011), Carneiro (2001) (2005), Santos (1998), Silva (2010), Souza (2010), conducting field research through visits to factories and establishments in the textile sector, in addition to the use of photographic records that show the environmental impacts resulting from industrial waste. With the realization of the research, we can affirm that textile production, even in the face of the innovation of its productive techniques, still generates environmental impacts, such as the degradation of the local ecosystem as a result of the launching of a great part of the effluents and industrial residues produced, which are sometimes released without any type of treatment in the Piranhas/Açu River.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/6034
Outros identificadores: 2014050939
Aparece nas coleções:CERES - Geografia (bacharelado)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
AProblemáticaAmbiental_Freitas_20172,6 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons