Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/5410
Title: RECARGA E ASPECTOS QUALI-QUANTITATIVOS DAS ÁGUAS DO AQUÍFERO JANDAÍRA NO MUNICÍPIO DE BARAÚNA/RN
Authors: Moreira, Daniel Campos
Keywords: Cárstico;Precipitação;Poços
Issue Date: 4-Dec-2017
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: MOREIRA, Daniel Campos.RECARGA E ASPECTOS QUALI-QUANTITATIVOS DAS ÁGUAS DO AQUÍFERO JANDAÍRA NO MUNICÍPIO DE BARAÚNA/RN. 2017. 46f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Ambiental), Departamento de Engenharia Civil, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.
Portuguese Abstract: A área da pesquisa, localizada no município de Baraúna/RN,se destaca no setor da atividade agrícola, especificamente na fruticultura irrigada. No entanto, os prolongados períodos de estiagens associados ao intensivo uso das águas subterrâneas do aquífero Jandaíra têm sinalizado a necessidade da realização de avaliações quali-quantitativas contínuas. Nessa perspectiva, o presente estudo tem como objetivo geral compreender o comportamento da recarga natural do aquífero Jandaíra, município de Baraúna/RN, a partir das relações entre as precipitações e as medições dos níveis das águassubterrâneas, entre os anos de 2003 e 2016,e as medições de alguns dos parâmetros físico-químicos, nos anos 2011 e 2015. Assim, foram trabalhados os seguintes objetivos específicos: (i) conhecer o comportamento dos níveis das águas subterrâneas nos períodos secos e chuvosos, a partir dos poços selecionadosatravés de estatística descritiva; (ii) conhecer o comportamento do pH, condutividade elétrica e das concentrações de sólidos totais dissolvidos, nitrato e cloreto nos períodos secos e chuvososatravés de estatística descritiva e pelo método estatístico ANOVA e (iii) analisar a capacidade de recuperação dos níveis estáticos dos poços tubulares estudadosatravés de estatística descritiva. Os resultados obtidos, quanto aos aspectos quantitativos, indicaram que os níveis estáticos dos poços respondem em um curto espaço de tempo aos efeitos das precipitações, seja na recuperação rápida dos níveis estáticos dos poços, mediante aos eventos chuvosos intensos, ou aos rebaixamentos quando da ausência das precipitações. Quanto aos aspectos qualitativos, verificou-se que, dentre os parâmetros físico-químicos analisados, o N(NO3) foi o que apresentou efeitos mais evidentes quanto a sua relação com a recarga do aquífero, se apresentando sempre com valores elevados no período chuvoso em quase todos os poços.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/5410
Other Identifiers: 20150146563
Appears in Collections:Engenharia Ambiental

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC - Daniel Campos Moreira.pdfTrabalho de Conclusão de Curso1.09 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.