Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/5111
Title: Prevalência de disfunção temporomandibular e fatores associados em uma população idosa da comunidade
Authors: Pessoa, Paulo Sérgio Silva
Keywords: Transtornos da Articulação Temporomandibular;Saúde Bucal;Serviços de Saúde para Idosos
Issue Date: 20-Jun-2017
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: PESSOA, Paulo Sérgio Silva. Prevalência de disfunção temporomandibular e fatores associados em uma população idosa da comunidade. 2017. Monografia (Graduação) - Departamento de Odontologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.
Portuguese Abstract: Este estudo tem o objetivo de investigar a prevalência de DTM em idosos residentes em uma comunidade, bem como os fatores associados a esse agravo à saúde bucal. Trata-se de um estudo transversal e observacional. A amostra foi composta por 209 indivíduos idosos, representativos do município de Macaíba/RN. Os instrumentos de coleta de dados usados foram o questionário simplificado para triagem de pacientes com disfunção temporomandibular (QST/DTM), o qual é um instrumento com cinco questões, validado, e um formulário que continha variáveis socioeconômico-demográficas, de acesso aos serviços odontológicos, condições de saúde bucal e geral e capacidade funcional. A análise dos dados se deu a partir do teste do qui-quadrado de Pearson ou exato de Fisher com nível de significância de 5%. Como medida de magnitude da associação, calculou-se a razão de prevalência com intervalo de confiança de 95%. A amostra foi composta por indivíduos predominantemente do sexo feminino e média de 75,19 (±8,14) anos de idade. A prevalência de DTM foi de 25% (19%-31%) nos idosos pesquisados. A análise dos resultados mostrou que houve associação significativa entre DTM e estado civil (p= 0,012), posse de cuidador (p<0,001), necessidade de prótese na arcada inferior (p=0,005) e capacidade funcional (p<0,001). Conclui-se, então, que a prevalência de DTM em idosos da comunidade foi considerada baixa e pode estar relacionada a estado civil, posse de cuidador, capacidade funcional e necessidade de prótese na arcada inferior.
Abstract: This study aims to investigate the prevalence of TMD in elderly residents in the community, as well as the factors associated with this complaint to oral health. This is a cross-sectional and observational study. The sample consisted of 209 elderly individuals, representative of the municipality of Macaíba / RN. The instruments of data collection were the simplified questionnaire for the screening of patients with temporomandibular dysfunction (QST / TMD), which is a validated instrument with five questions and a form that included socioeconomic-demographic variables, access to dental services, Oral and general health conditions and functional capacity. The data were analyzed using the Pearson's chi-square test or the Fisher's exact test with a significance level of 5%. As a measure of strength of association, the prevalence ratio was calculated with a 95% confidence interval. The sample consisted of predominantly female individuals and a mean of 75.19 (± 8.14) years of age. The prevalence of TMD was 25% (19-31) in the surveyed elderly. The analysis of the results showed that there was a significant association between TMD and marital status (p = 0.012), caregiver ownership (p <0.001), need for lower arch prosthesis (p = 0.005) and functional capacity (p <0.001). It is concluded that the prevalence of TMD in the elderly in the community was considered low and may be related to marital status, caregiver possession, functional capacity and need for prosthesis in the lower arch.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/5111
Other Identifiers: 2013040606
Appears in Collections:Odontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
[2017.1] Prevalência de disfunção temporomandibular e fatores associados em uma população idosa da comunidade.pdfTrabalho de conclusão de curso - odontologia 2017.1887,26 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.