Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/4957
Title: Análise da relação entre transferências voluntárias de recursos federais para segurança pública e os indicadores de violência nos estados do nordeste
Authors: Lima, Edivania Nascimento de
Keywords: Segurança pública;Transferências voluntárias;Violência
Issue Date: 2017
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: LIMA, Edivania Nascimento de. Análise da relação entre transferências voluntárias de recursos federais para segurança pública e os indicadores de violência nos estados do nordeste. 2017. 50f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Contábeis), Departamento de Ciências Contábeis, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.
Portuguese Abstract: Com a finalidade de observar a influência da participação do Governo Federal como meio auxiliar dos Estados para controle da violência na região Nordeste, é que o presente estudo foi elaborado. O objetivo geral desse estudo é analisar a relação existente entre o volume de recursos federais oriundos de transferências voluntárias para segurança pública destinados aos Estados da região Nordeste com o aumento ou redução da violência nesses Estados. Para se atingir o objetivo foi realizada uma pesquisa com procedimentos bibliográficos e documentais, de tipologia descritiva, utilizando uma metodologia comparativa e uma abordagem qualitativa e quantitativa dos dados. Os dados foram extraídos do Portal da Transparência do Governo Federal e do Fórum Brasileiro de Segurança Pública. A pesquisa analisa todos os valores da União repassados aos Estados da região Nordeste por meio de transferências voluntárias para segurança pública, comparando-os com os indicadores de violência apresentados por cada Estado, no período de 2012 a 2015. Faz uma correlação entre o volume de recursos repassados na função de segurança pública e os índices de criminalidade, considerando ainda, como estão sendo aplicados esses repasses. A análise revela que os Estados considerados mais violentos recebem a maior quantidade de recursos a serem aplicados na segurança pública, mas tais recursos não contribuem de forma significativa, com a redução da violência nesses Estados. A conclusão obtida nesse estudo é que os Estados mais violentos são os mais beneficiados com recursos do Governo Federal, porém não foi identificada uma relação entre os volumes de transferências voluntárias repassados pela União com o aumento ou diminuição dos índices de violência de cada Estado.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/4957
Other Identifiers: 2012915493
Appears in Collections:Ciências Contábeis

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
EdivaniaNL_Monografia.pdfCiências Contábeis 400.09 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.