Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/4705
Title: A materialização da Política Nacional de Assistência Social: um olhar sobre o CRAS do município de Taipu/RN
Authors: Silva, Sílvia Emanuely da
Keywords: Assistência social;Seguridade social;Política Nacional de Assistência Social;Sistema Único de Assistência Social
Issue Date: 2017
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SILVA, Sílvia Emanuely da. A materialização da Política Nacional de Assistência Social: um olhar sobre o CRAS do município de Taipu/RN. 2017. 67f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social), Departamento de Serviço Social, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.
Portuguese Abstract: O estudo se propõe a apresentar uma breve contextualização acerca da trajetória da Assistência, abordando os principais aspectos históricos e teórico-conceituais que marcaram o período pré e pós Constituição Federal de 1988, principalmente no que confere a relação da Assistência com a Igreja Católica, bem como a atribuição de centralidade ocupada no Sistema de Proteção Social Brasileiro. Buscou-se também, analisar como ocorreu o processo de implantação do Centro de Referência de Assistência Social - CRAS e a implementação da Política Nacional de Assistência Social - PNAS e como ela vem se materializando no município de Taipu, através desta instituição. O interesse por esta temática na Assistência Social foi decorrente, sobretudo, da inserção nos campos de estágios, o obrigatório, realizado no Cras Taipu no ano de 2015, e o extracurricular, que ocorreu no Ministério Público do Estado através da minha participação, enquanto estagiária, na execução do projeto CONVIVER SUAS, que tinha por finalidade inspecionar as instituições socioassistenciais do estado. Para obtenção dos resultados foram realizadas pesquisas bibliográficas, documentais e observações, consideradas as experiências do estágio supervisionado no CRAS. Os resultados revelam que a tentativa de superar o viés caritativo que perpassa toda a trajetória da Assistência tem exigido dos profissionais que atuam na área, maior propriedade e domínio da perspectiva teórico-crítica para que possam reverter o cenário do assistencialismo em um campo efetivo de garantia de direitos. Deste modo, apresenta-se como elemento fundamental para a efetivação da justiça social, maior apropriação teórico-metodológica, ético-política e técnico-operativa da profissão acerca das políticas sociais públicas e de tudo que for pertinente à atuação, para que deste modo o Serviço Social possa superar a endogenia que ainda persiste e transcender seus próprios muros.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/4705
Other Identifiers: 2014002735
Appears in Collections:Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
SilviaES_Monografia.pdfServiço Social1.41 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.