Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/4695
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorInácio, Miriam de Oliveira-
dc.contributor.authorSouza, Gelmária Rodrigues de-
dc.date.accessioned2017-08-31T13:11:10Z-
dc.date.available2017-08-31T13:11:10Z-
dc.date.issued2017-
dc.identifier2013082983pr_BR
dc.identifier.citationSOUZA, Gelmária Rodrigues de. A negligência contra crianças no âmbito hospitalar: um debate a partir do Serviço social e da determinação social da saúde. 2017. 66f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social), Departamento de Serviço Social, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.pr_BR
dc.identifier.urihttp://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/4695-
dc.languagept_BRpr_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio Grande do Nortepr_BR
dc.rightsopenAccesspr_BR
dc.subjectDeterminação socialpr_BR
dc.subjectSaúdepr_BR
dc.subjectNegligênciapr_BR
dc.titleA negligência contra crianças no âmbito hospitalar: um debate a partir do Serviço social e da determinação social da saúdepr_BR
dc.typebachelorThesispr_BR
dc.contributor.referees1Hoffman, Edla-
dc.contributor.referees2Silva, Adriana Melo da-
dc.description.resumoO presente estudo, ora intitulado “A atuação do Serviço Social na avalição da negligência familiar de crianças sob a perspectiva das determinações sociais da saúde no contexto hospitalar”, busca problematizar o conceito de negligência e a interferência das reais condições de vida das famílias na capacidade protetiva das mesmas perante suas crianças. Partindo das inúmeras contradições que permeiam o fazer profissional e dos muitos dilemas vivenciados pelas Assistentes Sociais para identificar e notificar o Conselho Tutelar sobre as situações de negligência é que surgiu o interesse em aprofundar e problematizar esta temática, a qual objetiva avaliar a relação entre as notificações de negligência e as determinações sociais da saúde das famílias encaminhadas ao Conselho Tutelar pelo Serviço Social do Hospital Pediátrico Maria Alice Fernandes (HPMAF), a fim de compreender como o contexto social das famílias, suas condições sociais e econômicas interferem na saúde das crianças. Desse modo, também buscou apreender a atuação do Serviço Social nas situações de negligência familiar e como o Conselho Tutelar tem acompanhado as famílias denunciadas no crime de negligência em razão de doenças relacionadas às precárias condições de vida. A pesquisa é do tipo qualitativa, de campo e documental. Os sujeitos de pesquisa envolvem 2 Assistentes Sociais e 1 Conselheiro Tutelar. Os dados foram coletados por meio da realização de pesquisas bibliográficas, documental, consulta ao diário de campo, relatório de estágio e aplicação de entrevistas direcionadas a duas Assistentes Sociais e um Conselheiro Tutelar. Os resultados da pesquisa sinalizam o modo como a negligência é compreendida pelos profissionais, bem como as dificuldades que essa temática apresenta na prática profissional contribuindo de forma significativa para o processo de apreensão das condições concretas de vida dos usuários do serviço de saúde do Hospital Pediátrico Maria Alice Fernandes, propiciando a discussão sobre a conceituação da negligência no intuito de fortalecer esse debate em uma perspectiva crítica acerca da realidade institucional e das dificuldades enfrentados pelos profissionais na identificação de situações de negligência.pr_BR
dc.publisher.countryBrasilpr_BR
dc.publisher.departmentServiço Socialpr_BR
dc.publisher.initialsUFRNpr_BR
Appears in Collections:Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GelmáriaRS_Monografia.pdfServiço Social709.49 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.