Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/4675
Title: Acolhimento nas unidades de saúde da Secretaria Municipal de Saúde do Natal: reflexões sobre a realidade da rede de atenção básica
Authors: Morais, Ronize Leite de
Keywords: Acolhimento;Humanização;SUS;Controle social;Gestão participativa
Issue Date: 2016
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: MORAIS, Ronize Leite de. Acolhimento nas unidades de saúde da Secretaria Municipal de Saúde do Natal: reflexões sobre a realidade da rede de atenção básica. 2016. 74f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social), Departamento de Serviço Social, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2016.
Portuguese Abstract: Esse trabalho tece reflexões sobre o acolhimento operacional realizado no cotidiano das unidades básicas de saúde da Secretaria Municipal de Saúde de Natal/RN, debruça-se sobre as principais dificuldades encontradas no cotidiano dos processos de trabalho em saúde, considerando as inúmeras necessidades que não podem ser resolvidas pelos profissionais de saúde devido a fragmentação das ações, saberes e dificuldades do acesso aos serviços em outros níveis de atenção. Sua finalidade é proporcionar reflexões com vistas a contribuir com a construção do acolhimento na Unidade Básica de Saúde, enquanto processo que torna a assistência à saúde digno de qualidade, na perspectiva da gestão participativa, envolvendo aliança entre usuários e trabalhadores do SUS e de sua luta para tornar a assistência à saúde digna e de qualidade a que tem direito todos os cidadãos. Portanto fortalecer a Ouvidoria SUS como mecanismo de controle social e gestão participativa. Consiste em uma pesquisa qualitativa bibliográfica sobre o tema e documental com base em produções da Ouvidoria SUS Natal/RN, particularmente o relatório sobre estudo de demandas e os resultados da pesquisa sobre a satisfação dos usuários da rede de atenção básica de saúde, realizada pela referida Ouvidoria no período de 2014 à 2015. Conclui que avaliação dos usuários, ao associar sua insatisfação em relação às condições de funcionamento dos serviços e ao “mal atendimento”, revela reais os problemas existente na rede pública mas ainda constitui uma compreensão que simplesmente reduz e culpabiliza os profissionais dado o desconhecendo acerca dos reais determinantes, que concorrem decisivamente para essa situação. Assim, chamamos a atenção dos desafios aos trabalhadores em saúde para reverter essa avaliação lutando juntos pela defesa do SUS, publico, estatal com gestão democrática e participativa.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/4675
Other Identifiers: 2012961718
Appears in Collections:Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
RonizeLM_Monografia.pdfServiço Social 1.77 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.