Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/4570
Title: Escola, juventude e participação: análise sobre a percepção dos jovens educandos da Escola Marista Champagnat de Natal
Authors: Santos, Gisely Tainã Lira Ribeiro dos
Keywords: Juventude;Escola;Cidadania e Participação
Issue Date: 2015
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SANTOS, Gisely Tainã Lira Ribeiro dos. Escola, juventude e participação: análise sobre a percepção dos jovens educandos da Escola Marista Champagnat de Natal. 2015. 63f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social), Departamento de Serviço Social, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Portuguese Abstract: Compreendendo a juventude como parte de um processo amplo de constituição dos sujeitos de direitos, entendemos que estes são os mais afetados pelas mudanças que veem ocorrendo na sociedade, principalmente, com o processo de sucateamento da educação pública. Diante disso a presente monografia tem como objetivo analisar de que forma os alunos da Escola Marista Champagnat de Natal se percebem enquanto sujeitos de direitos e atores estratégicos no enfrentamento dos problemas vivenciados em seu cotidiano. Chegamos a esse objeto de estudo a partir da experiência de estágio supervisionado em Serviço Social na instituição no período de 2014.2 e 2015.1. Para tanto, utilizou-se como técnicas de coleta de dados: pesquisa documental, pesquisa bibliográfica e aplicação de questionários com 12 sujeitos. A partir dos dados coletados, discutimos como a categoria juventude é apreendida, a situação dos jovens brasileiros atualmente e o contexto social e urbano em que estão inseridos os sujeitos de pesquisa que residem no município de Natal/RN. Dentro desse contexto, analisamos a importância da educação na construção da cidadania, trazendo a composição e o perfil dos alunos da escola, as apreensões dos educandos sobre o bairro em que residem. Dentro desse contexto, verificamos que os sujeitos de pesquisa, em sua maioria, possuem uma visão pragmática de juventude, pois entendem a categoria como um momento de transição para a vida adulta e associam a condição juvenil à capacidade de transformação da sociedade. Além disso, foi possível observamos como eles compreendem o conceito de cidadania e o debate político acerca dos direitos, enfatizando a importância das mobilizações sociais e a participação dos jovens nos espaços de decisão para a garantia de seus direitos.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/4570
Other Identifiers: 2012961001
Appears in Collections:Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GiselyTLRS_Monografia.pdfServiço Social 1,54 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.