Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/4563
Title: Pessoas com deficiência e a inserção no mercado de trabalho: uma análise dos servidores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Authors: Teixeira, Laíse Elias
Keywords: Pessoas com deficiência;Mercado de trabalho;Preconceito
Issue Date: 2015
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: TEIXEIRA, Laíse Elias. Pessoas com deficiência e a inserção no mercado de trabalho: uma análise dos servidores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. 2015. 63f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social), Departamento de Serviço Social, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Portuguese Abstract: O presente trabalho consiste em analisar a inserção e adaptação das pessoas com deficiência no mercado de trabalho, particularmente no âmbito da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, visto que o trabalho se apresenta como uma oportunidade de crescimento e desenvolvimento pessoal. O trabalho é uma categoria ontológica do desenvolvimento do ser social e, portanto é central para o enriquecimento das potencialidades humanas. As pessoas com deficiência também tem necessidade de se inserir e desenvolver suas habilidades e potenciais. No entanto, precisam de políticas públicas que auxiliem tanto nesta inserção, quanto em sua permanência no trabalho, de modo que este seja um espaço que apresente condições adequadas, para que as pessoas com deficiência sintam-se adaptadas ao trabalho, seja quanto às funções desenvolvidas, a estrutura física do espaço ou ao relacionamento com os demais profissionais. De fato, estamos inseridos na lógica capitalista, na qual se objetiva a produtividade e o alcance de lucro. Por isso, as pessoas com deficiência são vistas como improdutivas e/ou inaptas, por apresentar alguma limitação, o que está sendo rompido diariamente, mas que ainda há muito a ser alcançado. Na perspectiva de alcançar os objetivos do estudo, que consistem em apreender acerca da adaptação ao ambiente de trabalho, traçar um perfil dos servidores técnico-administrativos com deficiência e compreender como se dá o relacionamento entre os servidores com deficiência e os demais profissionais da equipe, o estudo foi realizado a partir de pesquisas bibliográficas e de campo. Na pesquisa de campo foi realizada uma busca no Sistema Integrado de Gestão de Recursos Humanos para traçar um perfil dos servidores, e posteriormente a aplicação de um questionário com o objetivo de conhecer o ambiente de trabalho relacionando-o a limitação do servidor. Com o estudo, foi possível entender que as pessoas com deficiência tem se reconhecido como sujeitos de direitos e buscado se inserir no mercado de trabalho. Da mesma forma, o ambiente de trabalho tem proporcionado de um modo geral, o desenvolvimento intelectual e humano desses sujeitos, visto que estes relataram sentirem-se realizados com o trabalho. Vale mencionar, que há casos de não adaptações plenas, havendo a necessidade de alterações no ambiente de trabalho, o que representa um baixo índice dos pesquisados. E ainda é presente o desconhecimento de alguns profissionais quanto a algumas limitações, principalmente se estas não forem aparentes, podendo causar constrangimento a pessoa. É necessário romper com o preconceito e qualquer forma de exclusão. Evidentemente não estamos diante de uma tarefa simples.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/4563
Other Identifiers: 2012961075
Appears in Collections:Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LaíseET_Monografia.pdfServiço Social 1,12 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.