Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/4544
Title: O acesso da classe trabalhadora do interior do estado do RN ao tratamento oncológico: direitos sociais e as implicações do processo saúde-doença
Authors: Fonseca, Andrezza Soraya Moura
Keywords: Saúde;Oncologia;Direitos sociais;Classe trabalhadora
Issue Date: 2015
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: FONSECA, Andrezza Soraya Moura. O acesso da classe trabalhadora do interior do estado do RN ao tratamento oncológico: os direitos sociais e as implicações do processo saúde-doença. 2015. 74f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social), Departamento de Serviço Social, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Portuguese Abstract: Esse estudo traz uma análise crítica sobre “As condições de acesso da classe trabalhadora do Interior do Estado do RN ao Tratamento Oncológico: as concepções dos Direitos Sociais e as Implicações para o Processo Saúde-Doença”. Tal reflexão se desdobra na análise dos contextos sociais e econômicos presentes na sociabilidade e vigente na vida dos usuários. A partir dos sujeitos participes dessa pesquisa de investigação dados reais sobre a temática. Os objetivos foram estudar o acesso ao tratamento oncológico na rede de atendimento para as pessoas portadoras de câncer do interior do Estado, bem como analisar as implicações dos direitos sociais, o que causam, quando estão presentes na vida dos usuários ou na falta deles, mapeamos os usuários desde as suas cidades de origem que perpassa o deslocamento do interior para a capital, em busca de tratamento especializado; com destaque para os principais direitos sociais da pessoa portadora de câncer e as influências na vivência do processo saúde-doença. A análise teórica tem inspiração na metodologia Critico Dialética, com a realização de entrevistas semiestruturadas com usuários atendidos pela Liga/RN. Atentou-se para resultados qualitativos sobre essa realidade, na tentativa de uma aproximação com os anseios que perpassam a dimensão da questão social tentando contribuir com construções que sejam relevantes para o meio acadêmico e do Serviço Social, bem como para a sociedade, de modo a compor a discussão sobre o cenário do tratamento Oncológico, pensando a Saúde enquanto um Direito Social no âmbito da Universalidade, da Integralidade e da Equidade a partir da concepção ampliada de Saúde, enfatizando o marco do processo de redemocratização e da Reforma Sanitária. A discussão trouxe ainda uma análise conjuntural sobre a dimensão do processo de Proteção Social e da Seguridade Social, como ela se instala no Brasil perante a constituição de 1988, analisando a realidade da organização do Sistema Único de Saúde (SUS), particularizando as suas normatizações, com seus princípios e diretrizes, além de apresentar os principais desafios e tendências enfrentados atualmente na busca pela sua efetivação. O estudo também revela de modo sucinto o perfil dos usuários do interior do RN, que percorrem e recorrem constantemente os serviços oncológicos na capital. As principais questões que surgem nesse processo perpassam as dimensões culturais e sócio históricas da vida desses sujeitos, a partir de concepções, ainda por vezes, conservadoras, são confundidas na ideia do direito x ajuda. Caracteriza-se um pouco da configuração da oncologia no RN, destacando sua organização e funcionamento, e por fim, o modo como o Serviço Social enquanto profissão inserida na política de saúde, e na sua complexidade na esfera do exercício profissional, objetivando analisar como a categoria vem contribuindo, a partir de uma análise crítica sobre o atual cenário e com estratégias e ferramentas que visem à efetivação da Politica de Saúde e dos direitos sociais da classe trabalhadora.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/4544
Other Identifiers: 2011044526
Appears in Collections:Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AndrezzaSMF_Monografia.pdfServiço Social 822.6 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.