Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/4493
Title: “Para intervir precisa compreender”: perspectivas dos discentes e docentes acerca da política de educação permanente em Serviço Social na UFRN
Authors: Nascimento, Chrislayne Caroline dos Santos
Keywords: Serviço Social;Trabalho, educação e política de educação permanente
Issue Date: 2014
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: NASCIMENTO, Chrislayne Caroline dos Santos. “Para intervir precisa compreender”: perspectivas dos discentes e docentes acerca da política de educação permanente em serviço social na UFRN. 2014. 135f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social), Departamento de Serviço Social, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2014.
Portuguese Abstract: A proposta de pesquisa deste Trabalho de Conclusão de Curso suscita o debate da Educação Permanente em Serviço Social e sua indispensabilidade no exercício profissional e na formação do assistente social. A discussão versa-se no estudo das temáticas, Trabalho e Educação, e seus aspectos contemporâneos a partir das transformações do mundo do trabalho, acentuadas pelo processo de reestruturação produtiva. Esse processo modificou significativamente os sentidos do trabalho, e o exercício profissional nos espaços sócio- ocupacionais, como também resignificou as bases educacionais, a qualidade do ensino e educação superior no Brasil, onde se insere a formação em Serviço Social. Posto isto, consubstancia o objeto desta pesquisa, analisar a visão dos professores e estudantes do Curso de Serviço Social da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) acerca da Política de Educação Permanente em Serviço Social do conjunto CFESS-CRES, embasada nos Princípios do Código de Ética Profissional concernente ao compromisso com a qualidade dos serviços e com o aprimoramento intelectual, na perspectiva da competência profissional. Para tanto, os procedimentos metodológicos utilizados na análise fundamentam-se na perspectiva crítico-dialética, na revisão bibliográfica e documental, 4 (quatro) entrevistas com docentes do curso de Serviço Social da UFRN e aplicação de 64 (sessenta e quatro) questionários junto aos discentes do 6o e 7o período também do curso de Serviço Social da UFRN. A investigação aponta como principais resultados, a conjuntura de desafios na efetivação da política de educação permanente, que começam nas Unidades de Formação com a pouca divulgação da política, o distanciamento entre a academia e os espaços sócios ocupacionais que repercutem uma dicotomia entre investigação e intervenção profissional, ao mesmo tempo em que, a Educação Permanente como reflexão da prática constitui-se como instrumento estratégico de inserção e permanência qualificada dos assistentes sociais no mercado de trabalho, na perspectiva de fortalecimento do Projeto Ético Político do Serviço Social.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/4493
Other Identifiers: 2011044938
Appears in Collections:Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ChrislayneCSN_Monografia.pdfServiço Social 1.48 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.