Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/4420
Title: O processo de avaliação docente nas séries fundamentais do Ensino Fundamental e sua indissociável relação com o planejamento pedagógico
Authors: Elias, Jaqueline Elayne
Keywords: Avaliação docente;Planejamento pedagógico;Séries iniciais;Níveis de aprendizagem;Teacher‟s evaluation;Pedagogical planning;Early school grades
Issue Date: 10-Jun-2016
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: ELIAS, Jaqueline Elayne. O processo de avaliação docente nas séries iniciais do Ensino Fundamental e sua indissociável relação com o planejamento pedagógico. 2016. 27f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Pedagogia), Centro de Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2016.
Portuguese Abstract: A transição do Ensino Infantil para o Ensino Fundamental confere uma série de mudanças na vida das crianças, das instituições de ensino e dos profissionais docentes. No que concerne às crianças, permeia sempre o anseio pelo novo ambiente escolar, propício a novas aprendizagens e relações sociais. À escola é atribuída a responsabilidade da organização física, estrutural e pedagógica frente às diversidades do público a ser atendido. Quanto aos professores, exige-se sempre a inovação constante da sua prática, pois os métodos utilizados no planejamento devem está sempre voltados para a diversidade dos níveis de aprendizagem dos alunos, assim como a avaliação da aprendizagem deve estar voltada para o desenvolvimento da criança e ser percebida como instrumento de análise do fazer docente. Diante desse contexto, o presente trabalho intitulado “O processo de avaliação docente nas séries iniciais do Ensino Fundamental e sua indissociável relação com o planejamento pedagógico”, objetivou refletir sobre os principais aspectos que os professores, das séries iniciais do ensino fundamental, se baseiam ao avaliar seus alunos para, consequentemente, encaminhá-los para a série subsequente, bem como identificar os percalços presentes nos métodos de avaliação, e se estes são condizentes com o que é planejado, e atende os diferentes níveis de aprendizagem. Para a realização dessa pesquisa optou-se pela pesquisa de campo, realizada com 3 (três) professores do ensino fundamental da Escola Municipal João Bernardino de Lima, localizada na cidade de Riacho de Santana, no estado do Rio Grande do Norte/RN. Também, recorreu-se a revisão bibliográfica pautada nos estudos de Ribeiro (2012), Barbosa (2008), Vasconcelos (1996), LDB (1996), Hoffman (2003) e Luckesi (2003), entre outros. Evidenciou-se que a avaliação na referida instituição de ensino é compreendida como um procedimento, contínuo e dinâmico de grande importância para o processo ensino-aprendizagem, uma vez que instiga os profissionais docentes uma reflexão sobre sua prática. Os professores da Escola Municipal João Bernardino de Lima demonstraram pautar-se em instrumentos diversos tanto para planejar sua prática como para avaliar seus alunos. Há uma preocupação unânime com o desenvolvimento cognitivo das crianças para que as mesmas alcance a série subsequente. Dessa maneira, fica evidente que a avaliação realizada pelos docentes distancia-se do modelo tradicional que perpetua, ainda, em alguns contextos educacionais. Apesar do discurso articulado dos docentes sobre a prática do avaliar, os principais métodos e elementos norteadores, cabe indagar se o que se revela na teoria é, realmente, o que se concretiza na prática. O estudo é pertinente à medida que responde as múltiplas interrogações que permeiam a prática do avaliar nas séries iniciais do ensino fundamental, como também impulsiona a reflexão a cerca desse processo tão importante para docentes e discentes. Evidencia-se que o ato de planejar e avaliar são indissociáveis à prática dos professores, e devem ser vistos como complementares entre si. Entretanto, como não se trata de um estudo pronto e acabado, é necessário que haja um olhar reflexivo sobre a prática desses docentes com o intuito de investigar se o que foi revelado na teoria, é o que se aplica na prática
Abstract: The transition from Kindergarten Education to Elementary and Middle Education provides a number of changes in the lives of children, in educational institutions, and teaching professionals. With regard to children, the longing for the new school environment that is conducive to new learning and social relationships always permeates. The responsibility for the physical, structural, and pedagogical organization required for the public diversity to be served is assigned to the school. The constant practice innovation is always required from teachers because the methods used in planning should always be geared to the diversity of the students' learning levels as well as learning evaluation must be geared to the child's development, and perceived as an analytical tool to teachers. Thus, this paper, entitled "The teacher’s evaluation process in the early grades of elementary and middle school and its inseparable relation with pedagogical planning," aimed to reflect on the main aspects that teachers of early grades of elementary and middle school use when evaluating their students, to consequently, direct them to the subsequent grade, identify the presence of pitfalls in the evaluation methods, and whether these methods are consistent with what is planned and meet the different levels of learning. This study was carried out through a field research conducted with three (3) elementary and middle school teachers from the João Bernardino de Lima School, located in the city of Riacho de Santana in the State of Rio Grande do Norte/RN. The study was also based on a literature review guided by the studies of Ribeiro (2012), Barbosa (2008), Vasconcelos (1996), LDB (1996), Hoffman (2003), and Luckesi (2003) among others. It was evident that the evaluation in that educational institution is understood as a continuous and dynamic procedure of great importance to the teaching-learning process because it leads teachers to reflect on their practice. Teachers of the João Bernardino de Lima School demonstrated to base their practice on several instruments, to both plan their activities and evaluate their students. There is a unanimous concern with the cognitive development of children in order for them to reach subsequent grades. Therefore, it is evident that the teachers‟ evaluation is distant from the traditional model that perpetuates in some educational contexts. Despite the teachers‟ articulate discourse on the practice of evaluating, the main methods, and guiding elements, it is worth asking if what is revealed in the theory is really what is performed in practice. The study is relevant as it answers many questions that permeate the practice of evaluation in the early grades of elementary and middle schools, and it also boosts the reflection about this process, so important for teachers and students. It is evidenced that the act of planning and evaluating are inseparable from the practice of teachers, and should be seen as complementary to each other. However, because this study is not completed, a reflective look at the practice of these teachers is needed in order to investigate whether what was revealed in theory is what applies in practice.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/4420
Other Identifiers: 2012031282
Appears in Collections:Pedagogia (A distância)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
OProcessoAvaliaçãoDocente_Artigo_2016.pdf487.4 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.