Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/4251
Title: Secagem do extrato da casca de berinjela (Solanum melongena L.) por atomização em spray dryer com adição de adjuvantes
Authors: Silva, Raissa Henrique
Keywords: Casca da berinjela;Spray dryer;Compostos bioativos;Eggplant peel;Bioactive compounds
Issue Date: 2017
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SILVA, Raissa Henrique. Secagem do extrato da casca da berinjela (Solanum melongena L.) em spray dryer com adição de adjuvantes. 2017. 53f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química) - Departamento de Engenharia Química, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.
Portuguese Abstract: A berinjela (Solanum melongena L.) é uma hortaliça abundante, cultivada anualmente em regiões de clima tropical e subtropical. Apresenta em sua composição componentes essenciais que são responsáveis por manter o bom equilíbrio do corpo. Possui alto teor de água e é rica em fibra alimentar, sais minerais (cálcio, fósforo, potássio e magnésio) e vitaminas (B1, B2, B3 e C). A berinjela, algumas vezes descartada durante preparação caseira ou industrial, apresenta na sua casca altos teores de compostos fenólicos e antocianinas podendo esta ser considerada um alimento funcional. Todavia, devido a elevada perecibilidade necessário se faz submetê-la a processos de desidratação que viabilizem sua conservação e aproveitamento. O presente trabalho aborda o processo de secagem por atomização em spray dryer do extrato da casca de berinjela utilizando-se diferentes tipos de adjuvantes de secagem: albumina, goma arábica, maltodextrina e proteína concentrada do soro do leite. O rendimento da produção foi avaliado, bem como as características físico-químicas (pH, ATT, SST, umidade, atividade de água, solubilidade e higroscopicidade) e concentração de compostos bioativos (Compostos fenólicos totais, Antocianinas totais e Atividade Antioxidante) do material seco obtido. Os resultados mostraram que os rendimentos (42,46%, em média) dos ensaios de secagem não tiveram variações significativas quando foram empregados como adjuvantes albumina, maltodextrina e proteína do soro do leite. Para as análises físico-químicas, observou-se de maneira geral uma redução da acidez total titulável, todavia tanto o pH como os sólidos solúveis totais não apresentaram variações. Os pós obtidos apresentaram baixa umidade (4,3% a 6,6%), baixa atividade de água (0,269 a 0,438) elevada solubilidade (90% a 95,3%) e baixa higroscopicidade, principalmente para as amostras formuladas com adição de maltodextrina e proteína do soro do leite (16,17% e 13,17%). O impacto da secagem sobre o extrato da casca de berinjela desidratada foi observado pela diminuição dos compostos bioativos, apresentando diferentes teores de CFT (213,47 a 1606,52 mg GAE/100g b.s), de AT (18,758 a 44,552 mg /100g b.s) e AA (20,20 a 146,14 µmol TEAC/g b. s). Os resultados são promissores para a secagem por atomização em spray dryer do extrato da casca de berinjela, avaliando-se preliminarmente a albumina como um adjuvante de menor custo que além de agregar valor nutricional ao produto, viabiliza a secagem e produção de pós em condições adequadas para conservação e armazenamento.
Abstract: Eggplant (Solanum melongena L.) is an abundant vegetable, grown annually in tropical and subtropical climates. It presents in its composition essential components that are responsible for maintaining the good balance of the body. It has a high water content and is rich in dietary fiber, mineral salts (calcium, phosphorus, potassium and magnesium) and vitamins (B1, B2, B3 and C). Eggplant peel that is thought to be a discarded food during home or industrial preparation presents high levels of phenolic compounds and anthocyanins in its composition. Despite being considered a functional food, it presents high perishability and the dehydration appears as an alternative of use to minimize the losses. Thus, the present work deals with the spray drying process of the eggplant peel extract by varying the types of adjuvants in albumin, gum arabic, maltodextrin and concentrated whey protein. The drying performance was evaluated as well as the physico-chemical characteristics (pH, ATT, SST, humidity, water activity, solubility and hygroscopicity) and concentration of bioactive compounds (Total Phenolic Compounds, Total Anthocyanins and Antioxidant Activity) of the obtained dry material. The results show that the drying tests had no significant variations when used albumin, maltodextrin and whey protein, presenting an average of 42.46% yield. For the physicochemical analyzes, it was observed in general, reduction of titratable total acidity, pH and total soluble solids did not present variations. Powder analysis showed low moisture (4.3% to 6.6%), low water activity (0.269 to 0.438), high solubility (90% to 95.3%) and low hygroscopicity for samples containing maltodextrin and protein of whey (16.17% and 13.17%). The impact of drying on the extract of dehydrated eggplant peel was observed by the decrease of the bioactive compounds, presenting different TPC contents (213,47 to 1606,52 mg GAE / 100g bs), TA (18,758 to 44,552 mg / 100g bs ) And AA (20.20 to 146.14 μmol TEAC / g b. S). The results are promising and show the spray drying in spray dryer as a possible strategy to take advantage of eggplant peel, with albumin being the adjuvant that enhances the preservation and maintenance of the eggplant peel extract powder as a high value end product aggregated.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/4251
Other Identifiers: 2013012530
Appears in Collections:Engenharia Química

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Secagemdoextrato_Monografia1.16 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons