Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/4230
Title: Análise comparativa de métodos para dimensionamento de contenções com estacas-prancha em balanço.
Other Titles: Comparative analysis of design methods for cantilever retaining system with sheet pile walls.
Authors: Ferreira, Gustavo Henrique do Nascimento
Keywords: Estrutura de contenção. Estacas-prancha em balanço. Dimensionamento. Métodos analíticos.
Issue Date: 2017
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: FERREIRA, Gustavo Henrique do Nascimento. ANÁLISE COMPARATIVA DE MÉTODOS PARA DIMENSIONAMENTO DE CONTENÇÕES COM ESTACAS-PRANCHA EM BALANÇO.2017. 23f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Civil), Departamento de Engenharia Civil, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.
Portuguese Abstract: As contenções com estacas-prancha em balanço são aplicadas em obras diante da necessidade de cortes do terreno. Há diferentes formas de cálculos difundidas na literatura técnica, porém percebe-se uma carência de informação no que concerne a uma avaliação comparativa entre os diferentes métodos de cálculo disponíveis. Dentre os métodos mais difundidos, destacam-se: método do momento de projeto (MMP), método da resistência de projeto (MRP), método de tensão passiva líquida (MPPL) e o método apresentado por Das (2014). Assim, este trabalho teve como objetivo avaliar comparativamente métodos analíticos para dimensionamento de contenções com estacas-prancha em balanço considerando características de resistência de solos arenosos, tipicamente encontrados na cidade do Natal-RN. Nesse intento, desenvolveu-se um estudo paramétrico considerando diferentes valores de peso específico, ângulo de atrito e fator de segurança. Com base nos valores encontrados, concluiu-se que o método MRP é o mais conservador quando se trata do comprimento de ficha. A alteração do peso específico do solo não alterou de forma significativa a intensidade do momento máximo atuante na estrutura. Por outro lado, a variação do ângulo de atrito gerou significativas alterações no comprimento de ficha teórico e no momento máximo atuante.
Abstract: Cantilever sheet pile wall systems are applied in construction sites due to earthworks, the need of cutting the terrain. There are different design methods available in the technical literature for these walls. However, there is a lack of information regarding comparative evaluations of different available methods. Among the most widely spread methods, stands out: the factored moment method (FMM), the factored strength method (FSM), the net passive pressure method (NPPM) and the method proposed by Das (2014). Therefore, the present paper provides a comparative analysis of the analytic design methods for sheet pile walls based on a parametric study of the soil unit weight, the soil internal friction angle and the safety factors. It was considered the strength characteristics of granular soils commonly found in the city of Natal-RN. Based on the findings, it was concluded that the MRP method is the most conservative method concerning the embedment length. The modification of soil unit weight value barely changed the maximum moment intensity on the structure. On the other hand, variations on the soil internal friction angle resulted in significant changes on the theoretical embedment length and the maximum moment.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/4230
Other Identifiers: 2012941484
Appears in Collections:Engenharia Civil

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
dimensionamento-estaca-balanço-Ferreira-Artigo.pdfTCC-2017.1856.45 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.